IMÓVEL COMERCIAL C/ 261,59 M²

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL C/ 261,59 M²

Valores atualizados

Avaliação374.210,60
Lance mínimo374.210,60
Incremento2.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas11

Localização:  RIO CLARO – SP 

Fórum/Vara: 3ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE RIO CLARO – SP

Nº do processo: 1003313-86.2014.8.26.0510

RQTE: MÔNICA HUSSNI MESSETTI

RQDO:VALDEMIR DIAS DA SILVA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

 O 1° Leilão terá início no dia 30/08/2019 à partir das 15:20h, e encerramento no dia 05/09/2019 às 15:20h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 25/09/2019 às 15:20h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$374.210,60

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 224.526,36


DESCRIÇÃO:  Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um terreno constituído do lote nº 40 da quadra “U” do loteamento denominado “Jardim Progresso”, situado nesta cidade, com frente para Avenida M-45, lado par, na esquina com a Rua 6, lado par, na quadra completada pela avenida M-47 e Rua M-22, medindo 6,76m de frente; daí, vira à direita, em curva com desenvolvimento de 16,41m, até atingir o alinhamento de prédios da Rua 6; daí, segue pelo alinhamento de prédios da Rua 6, numa distância de 6,47m; daí, vira à direita e segue numa distância de 13,78m, confrontando deste lado com o lote nº 01; daí, vira à direita e segue numa distância de 17,80m, até atingir o alinhamento de prédios da avenida M-45, início desta descrição, confrontando deste lado com o lote nº 39, encerrando a área de 261,59m². Consta no laudo de avaliação que sobre a área indicada há edificações. Imóvel matrícula nº 37.826 do 1º CRI de Rio Claro/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$ 374.210,60(Trezentos e setenta e quatro mil, duzentos e dez reais e sessenta centavos) 

ÔNUS:Consta naAV.2-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Cìvel da Comarca de Rio Claro, movido por Célia Basso Bortolin;AV.3-PENHORA do imóvel, nestes autos; 

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL

Valores atualizados

Avaliação1.337.603,04
Lance mínimo1.337.603,04
Incremento5.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas103

Localização:Rua Aimorés, nº 300,Tupã/SP.

Fórum/Vara:2ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE TUPÃ – SP

Nº do processo:1500151-62.2016.8.26.0637

RQTE:PREFEITURA MUNICIPAL DE TUPÃ

RQDO: ESPÓLIO DE JOSÉ PEREIRA FRANÇA FILHO


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 02/08/2019 à partir das 15:05h, e encerramento no dia 08/08/2019 às 15:05h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 28/08/2019 às 15:05h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão - Lance mínimo  R$1.337.603,04

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 802.561,82


DESCRIÇÃO:Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Quatro barracões e um depósito, construídos de tijolos, coberto de telhas, sob nº 300 da Rua Aimorés, localizados na Vila Abarca, complemento desta cidade e comarca de Tupã - SP, e o respectivo terreno formado por quatro lotes anexos sob nº 05, 06, 11 e 12 (cinco, seis, onze e doze), da quadra nº 19 (dezenove), da referida Vila, medindo cada lote 12,00 (doze) metros de frente, por 36,00 (trinta e seis) metros da frente aos fundos, confrontando os lote nº 11 e 12, pela frente com a Rua Aimorés; por um lado, com o lote nº 10; por outro lado, com a Rua Rafel Ubeda Gonçalves com a qual faz esquina; e pelos fundos, com os lotes 05 e 06 abaixo mencionados e os lote 05 e 06, pela frente com a Rua Albino Frias; por um lado, com o lote nº 04; por outro lado, com a Rua Rafael Ubeda Gonçalves; e pelos fundos, com os lotes nº 11 e 12 acima mencionados. Consta no auto de penhora que sob o nº 300, da Rua Aimorés, um prédio construído de tijolos, coberto de telhas, com 5 (cinco) salões, 4 (quatro) salas, 1 (um) banheiro e 1 (uma) copinha, e nos fundos, de frente para a Rua Albino Frias, esquina com a Rua Raphael Ubeda Gonçalves, há 1 (um) salão (depósito) e ainda no mesmo terreno, na RUa Albino Frias, sob o nº 140, há uma construção de um prédio residencial com 03 (três) dormitórios, 1 (uma) sala, 1 (uma) copa-cozinha, 1 (uma) área de serviço, 01 (um) hall de circulação e 1 (uma) despensa. Imóvel matriculado sob o n° 20.119 do CRI de Tupã/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$  1.337.603,04(Um milhão, trezentos e trinta e sete mil, seiscentos e três reais e quatro centavos)

ÔNUS:Consta na referida matrícula:AV.3-PENHORA do imóvel, nestes autos.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL C/ 3.172,50 M²

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL C/ 3.172,50 M²

Valores atualizados

Avaliação1.250.000,00
Lance mínimo1.250.000,00
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas9

Localização:Rua Dr. Francisco de Abreu Sodré,nº 337,Bairro da Estação,Santa Cruz do Rio Pardo - SP.

Fórum/Vara: 1ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE SANTA CRUZ DO RIO PARDO – SP

Nº do processo:0000057-27.1998.8.26.0539

RQTE: CARGILL AGRÍCOLA SA

RQDO:CAFÉ E CEREAIS R&GLTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O1° Leilão terá início no dia 02/10/2019 a partir das 14:15h, e encerramento no dia 08/10/2019 às 14:15h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 28/10/2019 às 14:15h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a70%(setenta por cento)da avaliação atualizado, ou 80% do valor da avaliação atualizado, caso se trate de imóvel de incapaz e/ou meação de bens. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$1.250.000,00

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 875.000,00


DESCRIÇÃO:  Um imóvel comercial - Um terreno com a área de 3.172,50 m², situado nesta cidade e comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, com frente para a Rua Dr. Francisco de Abreu Sodré, no bairro da Estação, contendo um prédio de tijolos e coberto de telhas, para escritório, sob nº 337 e um armazém de tijolos e coberto de telhas sob nº 353, cujo perímetro inicia-se marco A cravado na divisa da Rua Dr. Francisco de Abreu Sodré, com propriedade de Ramos Ferreira e Cia, daí segue rumo 26º40 NW numa distância de 80 metros até o marco B confrontando com Ramos Ferreira e Cia e Espólio de Aurélio Sponchiado daí segue rumo 65º50 NE numa distância de 29 metros até o marco L confrontando com Espólio de Aurélio Sponchiado; daí segue, respectivamente, rumo de 56º10 SE numa distância de 26,40 metros até o marco 2, rumo de 33º50 SW numa distância de 8,80 metros até o marco 3 rumo de 56º10 SE numa distância de 37,20 metros até o marco 4, confrontando do marco 1 ao marco 4 com o imóvel de Ramos Ferreira e Cia; daí segue com o rumo de 30º30 SW numa distância de 41,70 metros até o marco E, confrontando com Estrada de Ferro Sorocabana e finalmente, daí segue com o rumo de 73º30 SW numa distância de 18 metros confrontando com a Rua Dr. Francisco de Abreu Sodré, até o marco A, este primordial onde teve início esta descrição. Imóvel matriculado sob nº 10.104 do Cartório de Registro de Imóveis de Santa Cruz do Rio Pardo - SP. 

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$ 1.250.000,00(Um milhão, duzentos e cinquenta mil reais)

ÔNUS:Consta na referida matrícula: R.19-HIPOTECA de 1º grau, em favor de Banco Bradesco S/A; R.21-HIPOTECA de 1º grau, em favor de Banco Bradesco S/A;R.22-HIPOTECA de 2º grau, em favor de Banco Bradesco S/A;R.23-HIPOTECA de 1º grau, em favor de Banco Bradesco S/A;R.24-ARROLAMENTO de bens, expedido pela Secretaria da Receita Federal em Marília;R.27-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 52/04 - 801040000538/10, movido por Fazenda Nacional;R.28-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Cível da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, movido por União;AV.29-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº539.01.2002.006236-8, movido por União;AV.30-PENHORA do imóvel, expedido pela 3ª Vara Judicial de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 210/2007, movido por Município de Santa Cruz do Rio Pardo;AV.31-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 0006237-20.2002.8.26.0539, movido por União;AV.32-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. 0002867-29.2013.5.15.0143, movido por José Peres Barleto;AV.33-PENHORA do imóvel, nestes autos.  

OBS.: A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL A.T. 3.57,94 M²

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL A.T. 3.57,94 M²

Valores atualizados

Avaliação568.594,93
Lance mínimo568.594,93
Incremento1.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas89

Localização:Rua José Pedrosa esquina com a Rua Cap. Francisco Lopes, Botafogo - SP

Fórum/Vara:2ª VARA DA COMARCA DE BEBEDOURO – SP

Nº do processo:1002558-47.2016.8.26.0072

RQTE:BANCO DO BRASIL S/A

RQDO:MARILDA RAFAEL STANZANI


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 28/08/2019 à partir das 14:05h, e encerramento no dia 03/09/2019 às 14:05h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 23/09/2019 às 14:05h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a50%(cinquenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$568.594,93

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 284.297,46


DESCRIÇÃO:Imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Uma gleba de terras, desmembrada da Fazenda São João - “Gleba B” localizada no distrito de Botafogo, deste município e comarca de Bebedouro, Estado de São Paulo, contendo uma área de 3.657,94m²; assim descrita e caracterizada: “Tem início no marco 13, localizado na confluência deste com a rua José Pedrosa Filho e a Estrada Municipal BBD 164; deste segue numa distância de 79,01 metros, com rumo magnético de 76°53’35”SW, até encontrar o marco 18, confrontando à direita com a área em descrição e à esquerda com a Rua José Pedrosa Filho, deste segue numa distância de 47,00 metros, com rumo magnético de 13°06’25”NW até encontrar o marco 18A, confrontando à direita com área em descrição e a esquerda com propriedade 1002558-47.2016.8.26.0072 Victtoria Mahle; deste segue numa distância de 74,40 metros, com rumo magnético de 76°53’35”NE, até encontrar o marco 15A, confrontando a direita com a área em descrição e a esquerda com a gleba B; deste segue numa distância de 13,96 metros, com rumo magnético de 26°04’08SE, até encontrar o marco 15, deste segue numa distância de 30,40 metros, com rumo magnético de 16°48’38”SE até encontrar o marco 14; deste segue numa distância de 3,10 metros, com rumo magnético de 03°56’01”SE, até encontrar o marco inicial 13, confrontando do marco 15A, passando pelos mesmo cargo 15 e 14, até o marco inicial 13, à direita com a área em descrição e a esquerda com a Estrada Municipal BBD-164, encerrando-se o perímetro da gleba “A”. Consta no laudo de avaliação um barracão com edificação simples; Um almoxarifado de materiais com paredes de alvenaria com revestimento de reboco sob pintura com tinta látex, uma área coberta para abrigo de 2 veículos de passeio, sanitário de serviço, 2 portas de correr de estrutura metálica e chapa lisa com pintura tinta esmalte, calçamento em torno com cimento na largura de 90cm; 2 tanques para combustível sendo um com capacidade para 10.000 litros e outro para 4.000 litros, uma bomba de abastecimento de combustível; Um reservatório de água de 2.000 litros Fiberglass e uma bomba e alta pressão para uso do lavador de veículos, com base de cimento e um compressor de ar de 120 libras; Uma caixa dágua metálica elevada com capacidade de 3.000 litro abastecida pela rede pública e outra por poço semi artesiano feito pelos proprietários para uso compartilhado no imóvel anexo de propriedade da Prefeitura Municipal de Bebedouro; Escritório edificado em alvenaria com reboco nas duas faces, com pintura em tinta látex contendo: 2 salas, 1 copa e 2 banheiros, janelas e portas metálicas com pintura de tinta esmalte e com vidros, piso de ardósia, contorno de calçada com cimento; Uma rampa de piso de concreto contendo 2 locais com rebaixo para entrada de caminhões de ré, para descarga de frutas cujo equipamento está totalmente desativado. Imóvel matriculado sob nº 21.625 do CRI de Bebedouro - SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$  568.594,93(Quinhentos e sessenta e oito mil, quinhentos e noventa e quatro reais e noventa e três centavos)

ÔNUS: Consta na referida matrícula:R.6-HIPOTECA de 2º grau, em favor de Banco do Brasil S/A;R.7-HIPOTECA de 3º grau, em favor de Banco do Brasil S/A;R.10-HIPOTECA de 3º grau, em favor de Banco do Brasil S/A;R.11-HIPOTECA de 4º grau, em favor de Banco do Brasil S/A;AV.13-PROTESTO, expedido pela 1ª Vara Judicial da Comarca de Bebedouro, no proc. nº 072.01.2011.002304-1 ordem nº 341/2011, movido por Aparecida Donizeti Abreu de Moraes e Outros;R.14-HIPOTECA de 5º grau, em favor de Banco do Brasil S/A;AV.18-DISTRIBUIÇÃO de ação, expedido pelo Distribuidor Cível da Comarca de Bebedouro, movido por Banco Bradesco S/A;AV.20-DISTRIBUIÇÃO de ação, expedido pela 3ª Vara da Comarca de Bebedouro, movido por Banco do Brasil S/A;AV.21-PENHORA do imóvel, nestes autos;AV.23-PENHORA do imóvel, expedido pela 3ª Vara da Comarca de Bebedouro, no proc. nº 1003709-48.2016.8.26.0072, movido por Comércio e Transportes de Frutas Stanzani Ltda - ME;AV.24-PENHORA do imóvel, expedido pela 3ª Vara da Comarca de Bebedouro, no proc. nº 1004115-69.2016.8.26.0072, movido por Banco do Brasil.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL C/ 1.57693 M²

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL C/ 1.57693 M²

Valores atualizados

Avaliação989.250,05
Lance mínimo989.250,05
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas9

Localização: Rua XV de Novembro, nº 711/725, São Manuel/SP 

Fórum/Vara:2ª VARA DA COMARCA DE SÃO MANUEL – SP

Nº do processo:  1001192-61.2017.8.26.0581

RQTE: BANCO SANTANDER ( BRASIL ) S/A

RQDO:SÔNIA MARIA ROZOLIN INNOCENTI - ME


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O 1° Leilão terá início no dia 02/10/2019 à partir das 15:05h, e encerramento no dia 08/10/2019 às 15:05h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 28/10/2019 às 15:05h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a85%(oitenta e cinco por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$989.250,05 

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 840.862,54


DESCRIÇÃO:   Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um prédio de um barracão, construído de tijolos e coberto com telhas, situado na Rua XV de Novembro, nº 711 e, uma casa de morada de tijolos de telhas, situada na Rua XV de Novembro nº 725, nesta cidade, distrito, município e comarca de São Manuel, Estado de São Paulo, circunscrição única, com seu respectivo terreno com formato irregular, com a área de 1.576,93 metros quadrados, localizado com frente para a Rua XV de Novembro, lado ímpar, esquina com a Rua Duque de Caxias, lado par, e travessa João Luis Chinatto, com as seguintes medidas e confrontações: tem inicio no ponto de divisa onde confronta com o imóvel constante na matrícula nº 12.015 (residência 707) e a Rua XV de Novembro, seguindo por uma linha reta medindo 36,59 metros de frente, confrontando com a Rua XV de Novembro; daí deflete à esquerda com um ângulo interno de 91° 13’ 42”, com uma distância de 38,90 metros o lado direito, de quem da rua olha para o imóvel, confrontando com a Rua Duque de Caxias; daí deflete à esquerda com um ângulo interno de 91° 25’ 44”, com um distância de 25,91 metros, confrontando com a travessa João Luis Chinatto; daí deflete à direita com um ângulo externo de 91° 19’ 52”, com uma distância de 2,29 metros, confrontando com a travessa João Luis Chinatto; daí deflete à esquerda com um ângulo interno de 87°29’34”, com um distância de 20,93 metros, confrontando com a travessa João Luis Chinatto; daí deflete à esquerda com um ângulo interno de 87°29’34”, com uma distância de 20,93 metros, confrontando com o imóvel da matrícula nº 3650, localizado na travessa João Luis Chinatto; daí deflete à esquerda com um ângulo interno de 92°07’44”, com uma distância de 8,90 metros, confrontando com o imóvel da transcrição nº 5150, livro 3-E, fls. 214, ano 1949 (transcrição anterior nº 3831, livro 3-D, ano 1947); daí deflete à esquerda com ângulo interno de 89°07’11” com uma distância de 9,52 metros, confrontando com o imóvel da matrícula nº 12015 (residência nº 707); daí deflete à direita com um ângulo externo de 90° e uma distância de 33,00 metros, até atingir o ponto inicial da descrição, onde faz ângulo interno de 90° com a linha de divisa da Rua XV de Novembro, encerrando assim a descrição. Imóvel matriculado sob o nº 17226 do CRI de São Manuel/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$ 989.250,05(Novecentos e oitenta e nove mil, duzentos e cinquenta reais e cinco centavos) 

ÔNUS:Consta na referida matrícula:R.2-HIPOTECA de 1º grau, em favor de Banco do Brasil S/A;AV.3-PENHORA de 50% do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº1000468-28.2015.8.26.0581, movido por Compre Fácil COmercio de Produtos Alimentícios Ltda;AV.4-PENHORA de 50% do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 1001254-72.2015.8.26.0581, movido por Banco Santander (Brasil) S/A;AV.5-PENHORA de 50% do imóvel, nestes autos.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL A.T. 9.425,21 m²

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL A.T. 9.425,21 m²

Valores atualizados

Avaliação1.061.745,10
Lance mínimo637.047,06
Incremento3.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas1500

Localização:Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros, Osvaldo Cruz -SP

Fórum/Vara:1ª VARA DA COMARCA DE OSVALDO CRUZ – SP

Nº do processo:0002047-60.2018.8.26.0407

RQTE:UNIÃO FEDERAL

RQDO:IRMÃOS CAMPOY LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 22/03/2019 à partir das 10:00h, e encerramento no dia 25/03/2019 às 10:00h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 25/04/2019 às 10:00h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$1.061.745,10

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 637.047,06


DESCRIÇÃO: Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Uma área de terras, de formato irregular, situada no perímetro urbano desta cidade e comarca de Osvaldo Cruz, medindo 9.425,21m² (nove mil, quatrocentos e vinte e cinco metros e cinte um centeesimo de metros quadrados) desmembrada de uma área maior de 12.479,45m², oriunda do desmembramento da antiga Chácara Água Boa, que mede e se confronta da forma seguinte: “Inicia no marco “00” cravado na divisa da propriedade de Irmãos Campoy Ltda, e à margem direita da Via de acesso à Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (sentido cidade/rodovia) no rumo 29º45’NE segue numa extensão de 97,00 metros margeando em toda sua extensão, a referida via de acesso, até encontrar o marco “01” cravado na divisa com a propriedade de Irmãos Campoy, digo Irmãos Romanini, daí deflete a direita, no rumo 61º30’SE seguindo numa distância de 97,53 metros, divisando em toda sua extensão com propriedade de Irmãos Romanini, até encontrar o marco 02, cravado na divisa da área remanescente e a propriedade de Irmãos Romanini, daí deflete a direita, no rumo de 29º451’SW seguindo numa distância de 97,00 metros divisando em toda sua extensão com a área remanescente até encontrar o marco 03 cravado na divisa com a propriedade de Irmãos Campoy Ltda, e a avenida Targino de Oliveira Lima, daí deflete à direita, no rumo de 31º30’NW seguindo uma distância de 96,25 metros divisando em toda a sua extensão com propriedade de Irmãos Campoy Ltda, até encontrar o marco “00” inicio deste roteiro, encerrando uma área formato irregular de 9.425,21m². Roteiro elaborado pelo Eng. Alonso Campoi Padrilha Junior. Consta no auto de penhora um barracão de concreto armado, aberto nas laterais, medindo aproximadamente 12x40 metros, com cobertura metálica, com uma extensão lateral que mede aproximadamente 12x20 metros, mais um barracão pequeno com banheiro de aproximadamente 35m². Imóvel matrícula nº 10621 do CRI de Osvaldo Cruz/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$1.061.745,10(Um milhão, sessenta e um mil, setecentos e quarenta e cinco reais e dez centavos)

ÔNUS: Consta na referida matrícula:R.4-HIPOTECA de 1º grau, em favor de Banco do Estado de São Paulo S/A;R.5-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara de Osvaldo Cruz, no proc. nº 092/1999, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;R.6-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara de Osvaldo Cruz, no proc. nº 55/2004, movido por União;R.7-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara de Osvaldo Cruz, no proc. nº 36/2004, movido por União;AV.8-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara de Osvaldo Cruz, no proc. nº 1002443-54.2017.8.26.0407, movido por Banco Bradesco S/A;AV.9-PENHORA do imóvel, nestes autos;AV.10-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara de Osvaldo Cruz, no proc. nº 0001979-38.2003.8.26.0407, movido por Fazenda Nacional em Presidente Prudente;

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

IMÓVEL COMERCIAL (BARRACÃO)

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL (BARRACÃO)

Valores atualizados

Avaliação235.241,40
Lance mínimo141.144,84
Incremento1.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas818

Localização:  Rua das Açucenas, Monte Alto/SP.

Fórum/Vara:  2ª VARA DA COMARCA DE MONTE ALTO – SP

Nº do processo:  0001231-55.2005.8.26.0368

RQTE:  BANCO DO BRASIL S/A

RQDO:  ICAMAL INDUSTRIA DE CONSERVAS ALIMENTICIAS MONTE ALTO LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 04/07/2019 à partir das 14:25h, e encerramento no dia 10/07/2019 às 14:25h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 30/07/2019 às 14:25h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a  60%(sessenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$  235.241,40

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 141.144,84


DESCRIÇÃO: UM IMÓVEL COMERCIAL - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um terreno situado nesta cidade, distrito, município e comarca de Monte Alto, na Vila São José, com frente para os fundos do terreno de propriedade de Domingos Colatrelli, medindo 13,00 metros de frente por 21,50 metros da frente aos fundos, confrontando-se por um dos lados com Guerino Rodrigues, por outro lado com João Colatrelli e João Fontanelli e pelos fundos com Renério Rossi. Consta no auto de avaliação que o imóvel não tem acesso livre para as ruas, já que está na situação de complemento (ou anexo) de outros imóveis (especialmente ao prédio da antiga fábrica estabelecida no local), existem benfeitorias, como barracão com cobertura metálica, piso elevado, murado e dividido com paredes, tudo em regular ou ruim estado de conservação. Consta no referido laudo que o imóvel está localizado na Rua das Açucenas. Imóvel matriculado sob nº 14940 do CRI de Monte Alto/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:  R$  235.241,40 (Duzentos e trinta e cinco mil, duzentos e quarenta e um reais e quarenta centavos)

ÔNUS:  Consta na referida matrícula: R.4- PENHORA do imóvel, expedido pelo Cartório do Primeiro Ofício Judicial da Comarca de Monte Alto, no proc. nº 108/04, movido por Prefeitura Municipal de Monte Alto; AV.5- PENHORA do imóvel, expedido pelo Cartório do Segundo Ofício Judicial da Comarca de Monte Alto, no proc. nº 1697/2008, movido por Geni da Silva Miquelutti; AV.6- PENHORA do imóvel, expedido pelo Cartório do Segundo Ofício Judicial da Comarca de Monte Alto, no proc. nº 1697/2008, movido por União; AV.7- Penhora do imóvel, nestes autos; AV.8- PENHORA do imóvel, expedido pelo Cartório do Primeiro Ofício Judicial da Comarca de Monte Alto, no proc. nº 1697/2008, movido por Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial - INMETRO.

OBS.:  A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

IMÓVEL COMERCIAL A.T. 11.210,33 M²

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL A.T. 11.210,33 M²

Valores atualizados

Avaliação496.431,74
Lance mínimo496.431,74
Incremento2.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas77

Localização:Rua Domingos Calvitti com a Av. Francisco Pagliatto (cruzamento) Distrito Industrial 1, Distrito de Aparecida de São Manuel - SP

Fórum/Vara:2ª VARA DA COMARCA DE SÃO MANUEL – SP

Nº do processo:0001985-51.2016.8.26.0581

RQTE:RODRIGO ANGELO VERDIANI

RQDO:TRANSPORTADORA IRMÃOS ZECHEL LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 28/08/2019 à partir das 14:15h, e encerramento no dia 03/09/2019 às 14:15h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 23/09/2019 às 14:15h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a70%(setenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$496.431,74

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 347.502,21


DESCRIÇÃO: Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Uma gleba de terras contendo 11.210,33 metros quadrados (onze mil, duzentos e dez metros e trinta e três decímetros quadrados), desmembrada de área maior pertencente à Prefeitura Municipal de São Manuel, localizada no encontro da  SP-255 e SP-300, dentro do perímetro urbano de São Manuel, distrito, município e comarca de São Manuel, circunscrição única, com a seguinte descrição perimétrica: “Partindo do marco 00 (zero-zero), localizado junto as divisas da cerca do DER, na SP-300, Kenji Sguiyama e Prefeitura Municipal de São Manuel, parte com azimute de 158º e distância de 590 metro atingindo aí o marco 0 (zero); do marco zero vai ao marco hum com azimute de 143º e distância de 174,50 metros; do marco hum desenvolve-se um arco de circunferência à esquerda com desenvolvimento de 17,15 metros e raio de 7,50 metros e com tangente de 16,80 metros até atingir o marco dois; do marco dois vai ao marco três com azimute de 13º e distância de 65 metros; do marco três desenvolve-se um arco de circunferência à esquerda com desenvolvimento de 19 metros com tangente de 10 metros e raio de 42 metros até atingir o marco quatro; do marco quatro vai ao marco cinco com azimute de 323º e distância de 116 metros; do marco cinco vai ao marco inicial zero com azimute de 233º e distância de 70 metros, perfazendo a área de 11.210,33 metros quadrados. Consta no laudo de avaliação que o sobre o imóvel existe um escritório com 60,00 metros quadrados com 3 salas, cozinha e banheiro. Um almoxarifado com 180,00 metros quadrados construído anexo ao escritório. Um galpão com 470,00 metros quadrados. Área externa coberta com 110,00 metros quadrados e área de lazer com 42,00 metros quadrados. Imóvel matriculado sob n° 3.491 do Cartório de Registro de Imóveis de São Manuel.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$496.431,74(Quatrocentos e noventa e seis mil, quatrocentos e trinta e um reais e setenta e quatro)

ÔNUS:Consta na referida matrícula:R.09-PENHORA do imóvel, expedida pelo 6° Ofício Judicial Cível de São José do Rio Preto, Proc. n° 576.01.2008.017963-5 nºde ordem 824/2008, movido por Rodobens Administração e Promoções Ltda;R.10-PENHORA do imóvel, expedida pela 2ª Vara Cível de São Manuel, Proc. n° 581.01.2008.001731-4, movido por União;AV.11-PENHORA do imóvel, expedida pela 2ª Vara de São Manuel, Proc. n° de ordem 438/07, movida por Safra Leasing S.A. Arrendamento Mercantil;AV.12-PENHORA do imóvel, expedida pelo 2° Ofício Judicial de São Manuel, Proc. n° 0001956-79.2008.8.26.0581, movido por Procuradoria Geral da Fazenda Nacional;V.13-PENHORA do imóvel, expedida pelo 1° Ofício Judicial de São Manuel, Proc. n° 1358-33.2005.8.26.0581, movido por Fazenda Nacional;AV.14 -PENHORA do imóvel, expedida pelo 1º Ofício Judicial de São Manuel-SP, Proc.nº 3004425-71.2013.8.26.0581, movido por Fazenda Municipal de São Manuel;AV.15-PENHORA do imóvel, expedida pelo 2º Ofício Judicial de São Manuel-SP, Proc. nº0004488-02.2003.8.26.0581. movido por Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.16-PENHORA do imóvel, expedida pelo 1º Ofício Judicial de São Manuel-SP, Proc.nº 0004533-35.2005.8.26.0581, movido por Município de São Manuel-SP;AV.17-PENHORA do imóvel, expedida pelo 2º Ofício Judicial de São Manuel-SP, Proc.nº 0003935-61.2017.8.26.0581, movido por Rodrigo Angelo Verdiani;AV.18-PENHORA do imóvel, nestes autos.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL A.T. 7.353,15

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL A.T. 7.353,15

Valores atualizados

Avaliação3.077.543,66
Lance mínimo3.077.543,66
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas69

Localização:Av. Wilson Folador, Monte Alto/SP

Fórum/Vara:2ª VARA DA COMARCA DE MONTE ALTO – SP

Nº do processo:0501873-87.2013.8.26.0368

RQTE:PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTE ALTO

RQDO:ROBERTO RIVELINO NEVES


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 29/08/2019 à partir das 14:15h, e encerramento no dia 04/09/2019 às 14:15h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 24/09/2019 às 14:15h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão - Lance mínimo  R$3.077.543,66

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 1.846.526,19


DESCRIÇÃO:Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um terreno situado nesta cidade, distrito, município e comarca de Monte Alto, no “Distrito Industrial III”, consistente do lote “5”, com frente para a Avenida Wilson Folador, com a área de 7.353,15 metros quadrados, ou sejam 30,90 metros de frente para a referida avenida; 97,85 metros aos fundos na confrontação com Luiz de Oliveira Filho; do lado direito de quem da Avenida olha para o terreno mede 96,05 metros mais 14,14 metros em curva, com raio de 9,00 metros, na confluência da Avenida Wilson Folador com a rua A; e do lado esquerdo mede 50,00 metros na confrontação com o lote 4, daí deflete à esquerda e mede 29,00 metros, também na confrontação com o lote 4, daí segue 29,00 metros na confrontação com o lote 3, daí deflete à direita e segue 54,87 metros na confrontação com o lote 2. Consta no auto de penhora que o imóvel acima foi desmembrado em dois terrenos: um na parte da frente, com cerca de 2.000m², onde foi construído um barracão industrial e um escritório com cerca de 1.800m². Outro nos fundos, com a metragem restante, sobre o qual foi construído 900m², contemplando também um barracão industrial e um escritório. Imóvel matrícula nº 22.638 do CRI de Monte Alto/SP

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$  3.077.543,66(Três milhões, setenta e sete mil, quinhentos e quarenta e três reais e sessenta e seis centavos)

ÔNUS:Consta na referida matrícula:AV.3-PENHORA do imóvel, expedido pelo 3º Ofício Judicial da Comarca de Monte Alto, no proc. nº 13/2012, movido por União;AV.4-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara Trabalhista da Comarca de Jaboticabal, no proc. nº 0000313-12.2012.5.15.0029.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL RESIDENCIAL A.T. 165 M²

Lote 01: IMÓVEL RESIDENCIAL A.T. 165 M²

Valores atualizados

Avaliação212.303,43
Lance mínimo159.227,57
Incremento1.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas53

Localização:Rua Belo Horizonte, nº 4-60, Presidente Epitácio - SP

Fórum/Vara:2ª VARA DA COMARCA DE PRESIDENTE EPITÁCIO – SP

Nº do processo:0003244-37.2009.8.26.0481

RQTE:BANCO DO BRASIL S/A

RQDO:FARNEY FANIO MACHADO FRETE


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O Leilão terá início no dia 08/08/2019 à partir das 16:00h, e encerramento no dia 28/08/2019 às 16:00h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a75%(setenta e cinco por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$212.303,43

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 159.227,57


DESCRIÇÃO:Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um salão comercial, edificado de alvenaria de tijolos, com 21,00m², e respectivo terreno, à rua Belo Horizonte nº 4-60, medindo o terreno, 11,20 metros de frente, por 44,00 metros da frente aos fundos, com a área de 492,80m², confrontando pelo lado direito de quem da rua olha o terreno com o imóvel nº 4-50 do proprietários, anteriormente de Caetano Marinho dos Santos; pelo lado esquerdo com o imóvel nº 4-64, também dos proprietários, anteriormente de Cia Elétrica Caiua; e, nos fundos com o imóvel nº 4-61 da rua São Paulo, de Odete da Cunha Frota, anteriormente de Horita Massufume. Cadastro Municipal: setor 1, quadra 17, lote 11). Consta no laudo de avaliação que na matrícula o imóvel está identificado como na Rua Belo Horizonte, nº 4-60, mas atualmente o imóvel tem o nº 4-64 identificado pela numeração local e este número também, ou seja 4-64 é o que consta no Cadastro Imobiliário da Prefeitura Municipal. No terreno tem um salão com características comerciais com aproximadamente 165,00m² e uma casa residencial nos fundos com aproximadamente 85,00m², edificados em alvenaria de tijolos. Imóvel matrícula 1777 do CRI de Presidente Epitácio/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$ 212.303,43(Duzentos e doze mil, trezentos e três reais e quarenta e três centavos)

ÔNUS:Consta na referida matrícula:R.6-HIPOTECA do imóvel, em favor de Banco Nossa Caixa S/A;R.7-HIPOTECA do imóvel, em favor de Banco Nossa Caixa S/A;R.8-HIPOTECA do imóvel, em favor de Banco Nossa Caixa S/A;R.9-HIPOTECA do imóvel, em favor de Banco Nossa Caixa S/A;AV.11-HIPOTECA do imóvel, em favor de Banco Nossa Caixa S/A;R.13-PENHORA de 50% do imóvel, nestes autos.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



Imóvel Comercial A.T. 468 m²

Lote 01: Imóvel Comercial A.T. 468 m²

Valores atualizados

Avaliação218.372,95
Lance mínimo109.186,47
Incremento1.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas859

Localização:  Rua Osvaldo Camargo,  nº 17,Panorama/SP.

Fórum/Vara:  1ª VARA JUDICIAL DA COMARCA DE PANORAMA – SP

Nº do processo:  0003367-26.2015.8.26.0416

RQTE:  BANCO BRADESCO S/A

RQDO:  M R BARBOSA PANORAMA - ME


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 04/07/2019 à partir das 14:40h, e encerramento no dia 10/07/2019 às 14:40h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 30/07/2019 às 14:40h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a  50%(cinquenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$  218.372,95

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 109.186,47


DESCRIÇÃO:  Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um lote de terreno sob nº 17(dezessete), da quadra nº 96 (noventa e seis), situado nesta cidade e comarca de Panorama, SP, com área total de 468,00 metros quadrados, com as seguintes medidas e confrontações: medindo 13,00 (treze) metros de frente para a Rua Osvaldo Camargo, distando 26,00 (vinte e seis) metros da esquina da Avenida Manoel Fernandes da Cunha, lado par, por 13,00 (treze) metros nos fundos onde confronta com o lote 03; tendo da frente aos fundos de quem do terreno olha para a rua, tem-se pelo lado direito medindo 36,00 (trinta e seis) metros com o lote 18; e pelo lado esquerdo medindo 36,00 (trinta e seis) metros com o lote nº 16. Cadastrado na Prefeitura Municipal de Panorama sob nº: 255900. Consta no laudo de avaliação que o imóvel está localizado defronte a Rua Osvaldo Camargo na área urbana do município de Panorama - SP, em uma via pavimentada, cercada de outras vias também pavimentadas de fácil acesso à região central. Trata-se de um lote de terreno urbano com 468,00 metros quadrados, onde existe edificado um barracão comercial, com 191,96 metros quadrados, construído com tijolos (bloco de 08 furos), sem reboco e sem pintura, coberto com telhas de zinco e piso de cimento. Imóvel matrícula nº 21 do CRI de Panorama/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:  R$ 218.372,95(Duzentos e dezoito mil, trezentos e setenta e dois reais e noventa e cinco centavos)

ÔNUS:  Consta na referida matrícula:AV.2-PENHORA do imóvel, nestes autos.

OBS.:  A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

50% Imóvel Comercial

Lote 01: 50% Imóvel Comercial

Valores atualizados

Avaliação965.163,13
Lance mínimo482.581,56
Incremento2.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas598

Localização: Avenida Paulo Roberto Scandar, n° 329, Taquaritinga/SP

Fórum/Vara:  1ª VARA DA COMARCA DE TAQUARITINGA – SP

Nº do processo:  0005785-70.2016.8.26.0619

RQTE:  BANCO DO BRASIL S/A

RQDO: CORPA TAQUARITINGA COMÉRCIO E REPRESENTAÇÕES DE PRODUTOS AGROPECUÁRIOS LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 04/07/2019 à partir das 14:35h, e encerramento no dia 10/07/2019 às 15:35h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 30/07/2019 às 15:35h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a  50%(cinquenta por cento) do valor da avaliação, ou 80% do valor de avaliação atualizada, caso se trate de imóvel de incapaz.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$  965.163,13

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 482.581,56


DESCRIÇÃO:  50% de um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um lote de terreno, sem benfeitorias, situado nesta cidade, no Jardim Bela Vista, à avenida Paulo ROberto Scandar, na quadra nº 06, medindo 10,00ms, de frente, por 60,00ms da frente aos fundos, ou seja, a área quadra de 600,00 metros quadrados, se dividindo e confrontando ela frente com a citada avenida; pelos lados com os lotes nºs 05, 13 e 15 e nos fundos, com a Rua Ennes Reis Rodrigues. Consta no laudo de avaliação um barracão próprio para comércio, edificado com tijolos maciços do tipo comum, coberto com telhas galvanizada sob estrutura metálica, tendo na área da frente uma área assobradada onde tem 2 salas e 2 banheiros, na parte térrea possui 2 depósitos, 1 banheiro e 1 copa. O piso das dependências é cerâmico, possui revestimento cerâmico nas paredes dos banheiros e da copa. O barracão possui forro de madeira, revestido e pintada externamente e internamente, com rede elétrica e hidraúlica. Imóvel com área de terreno de 600,00m² e área construída de 625,50m². Imóvel matrícula nº 14103 do CRI de Taquaritinga/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO: R$  965.163,13(Novecentos e sessenta e cinco mil, cento e sessenta e três reais e treze centavos)

ÔNUS:  Cons na referida matrícula:R.4-HIPOTECA de 1º grau do imóvel, em favor de Bayer Cropscience Ltda;AV.5-PENHORA de 50% do imóvel, nestes autos.

OBS.: A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

IMÓVEL COMERCIAL A.T. 11.210,33 M²

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL A.T. 11.210,33 M²

Valores atualizados

Avaliação493.470,91
Lance mínimo345.429,63
Incremento2.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas964

Localização:  São Manuel/SP

Fórum/Vara:  2ª VARA DA COMARCA DE SÃO MANUEL – SP

Nº do processo: 0003935-61.2017.8.26.0581

RQTE:  RODRIGO ANGELO VERDIANI

RQDO:  TRANSPORTADORA IRMÃOS ZECHEL LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 04/07/2019 à partir das 15:35h, e encerramento no dia 10/07/2019 às 15:35h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 30/07/2019 às 15:35h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a  70%(setenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão - Lance mínimo  R$  493.470,91

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 345.429,63


DESCRIÇÃO:  Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Uma gleba de terras contendo 11.210,33 metros quadrados (Onze mil, duzentos e dez metros e trinta e três decímetros quadrados), desmembrada de área maior pertencente à Prefeitura Municipal de São Manuel, localizada no encontro da SP-255 e SP-300, dentro do perímetro urbano de São Manuel, distrito, município e comarca de São Manuel, circunscrição única, com a seguinte descrição perimétrica: “Partindo do maro 00 (zero-zero), localizado junto as divisas da cerca do DER, na SP-300, Kenji Sguiyama e Prefeitura Municipal de São Manuel, parte com azimute de 158º e distância de 590 metros atingindo aí o marco 0 (zero); do marco zero vai ao marco hum com azimute de 143º e distância de 174,50 metros; do marco hum desenvolve-se um arco de circunferência à esquerda com desenvolvimento de 17,15 metros e raio de 7,50 metros e com tangente de 16,80 metros até atingir o marco dois; do marco dois vai ao marco três com azimute de 13º e distância de 65 metros; do marco três desenvolve-se um arco de circunferência à esquerda com desenvolvimento de 19 metros com tangente de 10 metros e raio de 42 metros até atingir o marco quatro; do marco quatro vai ao marco cinco com azimute de 323º e distância de 116 metros; do marco cinco vai ao marco inicial zero com azimute de 233º e distância de 70 metros, perfazendo a área de 11.210,33 metros quadrados. Consta no laudo de avaliação que a localização atual do imóvel é o cruzamento da Rua Domingos Calvitti com a Avenida Francisco Pagliatto, Distrito Industrial I, Distrito de Aparecida de São Manuel, município e comarca de São Manuel. Embora não averbadas na matrícula, existem construções sobre o terreno, sendo, um escritório com área total de 60,00 metros quadrados, sendo 3 salas, cozinha e banheiro. Um almoxarifado com área total de 180,00 metros quadrados, sendo somente um cômodo anexo o escritório. Um galpão com área total de 470,00 metros quadrados, com dois cômodos internos. Área externa coberta com área total de 110,00 metros quadrados, construída anexa ao galpão e ao almoxarifado. Área de lazer coberta, com área total de 42,00 metros quadrados, sendo uma área de churrasqueira, hall e banheiro. Construída anexa ao galpão. Imóvel matrícula nº 3.491 do CRI de São Manuel/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:  R$  493.470,91(Quatrocentos e noventa e três mil, quatrocentos e setenta reais e noventa e um centavos) 

ÔNUS:  Um imóvel comercial -DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Uma gleba de terras contendo 11.210,33 metros quadrados (Onze mil, duzentos e dez metros e trinta e três decímetros quadrados), desmembrada de área maior pertencente à Prefeitura Municipal de São Manuel, localizada no encontro da SP-255 e SP-300, dentro doperímetro urbanode São Manuel, distrito, município e comarca de São Manuel, circunscrição única, com a seguinte descrição perimétrica: “Partindo do maro 00 (zero-zero), localizado junto as divisas da cerca do DER, na SP-300, Kenji Sguiyama e Prefeitura Municipal de São Manuel, parte com azimute de 158º e distância de 590 metros atingindo aí o marco 0 (zero); do marco zero vai ao marco hum com azimute de 143º e distância de 174,50 metros; do marco hum desenvolve-se um arco de circunferência à esquerda com desenvolvimento de 17,15 metros e raio de 7,50 metros e com tangente de 16,80 metros até atingir o marco dois; do marco dois vai ao marco três com azimute de 13º e distância de 65 metros; do marco três desenvolve-se um arco de circunferência à esquerda com desenvolvimento de 19 metros com tangente de 10 metros e raio de 42 metros até atingir o marco quatro; do marco quatro vai ao marco cinco com azimute de 323º e distância de 116 metros; do marco cinco vai ao marco inicial zero com azimute de 233º e distância de 70 metros, perfazendo a área de 11.210,33 metros quadrados. Consta no laudo de avaliação que a localização atual do imóvel é o cruzamento da RUa Domingos Calvitti com a Avenida Francisco Pagliatto, Distrito Industrial I, Distrito de Aparecida de São Manuel, município e comarca de São Manuel.Embora não averbadas na matrícula, existem construções sobre o terreno,sendo, umescritóriocom área total de 60,00 metros quadrados, sendo 3 salas, cozinha e banheiro. Umalmoxarifadocom área total de 180,00 metros quadrados, sendo somente um cômodo anexo o escritório. Umgalpãocom área total de 470,00 metros quadrados, com dois cômodos internos.Área externa cobertacom área total de 110,00 metros quadrados, construída anexa ao galpão e ao almoxarifado.Área de lazer coberta,com área total de 42,00 metros quadrados, sendo uma área de churrasqueira, hall e banheiro. Construída anexa ao galpão. Imóvel matrícula nº3.491do CRI de São Manuel/SP.

OBS.:  A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

50% Imóvel Comercial A.T 990,00 m²

Lote 01: 50% Imóvel Comercial A.T 990,00 m²

Valores atualizados

Avaliação217.721,17
Lance mínimo130.632,70
Incremento1.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas180

Localização:  Rua 7 de setembro nº 36, Pirajuí/SP

Fórum/Vara:  2ª VARA DA COMARCA DE PIRAJUÍ – SP

Nº do processo:  0002349-73.2003.8.26.0453

RQTE:  BANCO DO BRASIL S/A, SUCESSOR DO BANCO NOSSA CAIXA S/A

RQDO:  SUPERMERCADO ZUCHIERI LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 03/07/2019 à partir das 14:55h, e encerramento no dia 09/07/2019 às 14:55h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção, o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 29/07/2019 às 14:55h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a  60%(sessenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$  217.721,17

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 130.632,70


DESCRIÇÃO: 50% de um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um prédio de tijolos, coberto com telhas francesas, destinado a fabricação e venda de similares de carne verde, inclusive seus respectivos pertences e acessórios, devidamente instalados, e mais uma dependência para depósito, de tijolos, coberta com telhas, e seu respectivo terreno medindo 30,00 metros de frente, por 33,00 metros da frente aos fundos, com a área integral de 1.221,00mts² - dividindo e confrontando, pela frente com a Rua 7 de Setembro, por onde o prédio principal tem o nº 36, por um lado com Henrique Garcia, por outro com quem de direito e pelos fundos com sucessores de Hercula Corrêa ou quem mais de direito. Imóvel este situado nesta cidade de Pirajuí/SP. Consta no auto de avaliação de um imóvel constituído por um prédio comercial, em alvenaria de tijolos, coberto com telas francesas e parte dele com telhas de amianto, com diversos cômodos, constituído ainda por outro prédio de menor tamanho, em alvenaria de tijolos, com quatro cômodos, coberto com telhas francesas, em formato duas águas, possuindo ainda um barracão com paredes em alvenaria, cobertas com telhas de aço com o respectivo terreno, sobre o qual encontram-se construídos os mencionados prédios, correspondente ao lote 09 da quadra 20 da rua 7 de setembro nº 36, nesta cidade e comarca de Pirajuí, estando o terreno revestido por piso de concreto, o qual possui 30,00 metros de frente por 33,00 metros da frente aos fundos, totalizando área de 990,00mts². Imóvel matrícula nº 6614 do CRI de Pirajuí/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:  R$ 217.721,17(Duzentos e dezessete mil, setecentos e vinte e um reais e dezessete centavos)

ÔNUS:  Consta na referida matrícula:R.12-HIPOTECA de 1º grau do imóvel, em favor de Banco Nossa Caixa S/A;R.13-PENHORA do imóvel, nestes autos;AV.15-INDISPONIBILIDADE do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de Pirajuí, no proc. nº 453012007003471;AV.16-PENHORA de 50% do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial de Pirajuí, no proc. nº 0002439-47.2004.8.26.0453, movido por Banco do Brasil S/A.

OBS.:  A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

Direitos sobre um imóvel comercial

Lote 01: Direitos sobre um imóvel comercial

Valores atualizados

Avaliação1.360.137,15
Lance mínimo1.360.137,15
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas45

Localização:Rua Manoel Fernandes, n° 181, Monte Alto-SP

Fórum/Vara:2ª VARA DA COMARCA DE MONTE ALTO – SP

Nº do processo:0004774-27.2009.8.26.0368

RQTE:CLAUDIOMAR TRAZZI

RQDO:FABIO JOSE LOZANO ME


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 29/08/2019 à partir das 15:30h, e encerramento no dia 04/09/2019 às 15:30h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 24/09/2019 às 15:30h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$1.360.137,15

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 816.082,29


DESCRIÇÃO: Direitos sobre um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um terreno situado nesta cidade, distrito, município e comarca de Monte Alto, no “Distrito Industrial - V”, consistente do lote 08 da quadra “D”, medindo de frente 44,69 metros para a Rua B; 34,58 metros mais 5,68 metros aos fundos, na confrontação com a Rua C; do lado direito de quem da Rua B olha para o terreno mede 87,32 metros, na confrontação com o lote 9; e do lado esquerdo mede 90,69 metros, na confrontação com o lote 7, encerrando uma área de 3.763,46 metros quadrados. Consta no auto de avaliação que no terreno foi edificado um barracão e benfeitorias, que recebeu o número 181 da Rua Manoel Fernandes. Imóvel matrícula nº 22903 do CRI de Monte Alto/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO: R$1.360.137,15(Um milhão, trezentos e sessenta mil, cento e trinta e sete reais e quinze centavos)

ÔNUS: Não consta nos autos documentos probantes de eventuais ônus que recaiam sobre o bem.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL A.T. 280 m²

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL A.T. 280 m²

Valores atualizados

Avaliação499.603,02
Lance mínimo499.603,02
Incremento2.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas337

Localização:Rua Professor Carlos Rizzini nº 314,Bairro Jabaquara, São Paulo/SP

Fórum/Vara:  42ª VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL CÍVEL DA COMARCA DE SÃO PAULO – SP

Nº do processo:  1015197-47.2015.8.26.0100

RQTE:  BANCO DO BRASIL S.A

RQDO:  INABRA ABRASIVOS E FERRAMENTAS LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O1° Leilão terá início no dia 30/08/2019 a partir das 14:05h, e encerramento no dia 05/09/2019 às 14:05h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção, o2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 25/09/2019 às 14:05h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferiores a50%(cinquenta por cento) da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$  499.603,02

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 249.801,51


DESCRIÇÃO: Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Uma casa situada na Rua Taciba, nº 314, antiga Rua Vinte e Nove, e seu respectivo terreno constituído pelo lote 3 da quadra 47 do Jardim Oriental, no 42° Subdistrito-Jabaquara( São Paulo), localizado a 60,00m, mais ou menos, da Rua Iboti, a 35,00m da Rua Trinta e Oito, a 260,00m da Rua Vinte e Seis, distante aproximadamente 230,00 m do canal do córrego Jabaquara (córrego divisório da Gleba), medindo 10,00m de Frente, por 20,00m mais ou menos da frente aos fundos de ambos os lados, tendo nos fundos a mesma largura da frente, ao encerrando a área de 200,00 m², aproximadamente, confrontando de um lado com imóvel de José C. MeneZes (lote nº 2); do outro lado com imóvel de Catarina de Freitas (lote nº 4), e nos fundos com imóvel de Milton Guimarães (lote nº 9). Inscrito no cadastro dos contribuintes da Prefeitura Municipal sob nº 089.257.0015-8.Imóvel matriculado sob n°91669 no 8° CRI de São Paulo-SP. De acordo com o laudo de avaliação fls. 297 a 298 - Consta que sobre o terreno em questão encontram-se erigidas 1(uma) edificação 1(um) pavimento, destinadas ao uso comercial, apresentando fachada revestida em pintura látex sobre massa grossa; piso cerâmico; cobertura em telhas fibro cimento; fechamento lateral em muros de alvenaria e frontal em portão de ferro. A edificação apresenta as seguintes características e acabamentos construtivos: GARAGEM: Piso em cimentada; paredes revestidas em pintura látex sobre massa grossa; forro de laje; fechamento em alvenaria; SALÃO 1: Piso em cerâmica; paredes revestidas em pintura látex sobre massa corrida forro de laje; fechamento em alvenaria; SALÃO 2: Piso em cerâmica; paredes revestidas em pintura látex sobre massa corrida forro de laje; fechamento em alvenaria; SALÃO 3: Piso em cerâmica; paredes revestidas em pintura látex sobre massa corrida forro de laje; fechamento em alvenaria; ESCRITÓRIO: Piso em cerâmica; paredes revestidas em pintura látex sobre massa corrida forro de laje; fechamento em alvenaria; OFICINA: Piso em cerâmica; paredes revestidas em pintura látex sobre massa corrida forro de laje; fechamento em alvenaria; SANITÁRIOS(DOIS): Piso em cerâmico; paredes revestidas azulejos; vaso sanitário e lavatório em louça branca; forro de laje; esquadria de ferro com vidro liso. Consta, ainda, que o terreno tem 280,00 m² e  que o imóvel está situado à Rua Professor Carlos Rizzini nº 314 no bairro Jabaquara, São Paulo, .

VALOR DA AVALIAÇÃO: R$  499.603,02(Quatrocentos e noventa e nove mil, seiscentos e três reais e dois centavos)

ÔNUS:  Consta na matrícula n°91669:AV.4- PENHORA do imóvel, expedida pelo 18° Ofício Cível do Foro Central de São Paulo, no Proc n° 1072927-16.2015.8.26.0100, em favor de Condomínio Shopping ABC;AV.5- PENHORA do imóvel, expedida pela 5ª Vara Cível do Foro Central de São Paulo, no Proc n° 1037345-52.2015.8.26.0100, em favor de Banco Bradesco S/A;AV.6- DISTRIBUIÇÃO da ação execução, expedida pela 6ª Vara Cível do Foro Central de São Paulo, no Proc n°1022782-19.2016.8.26.0100, em favor de Banco Bradesco S/A;AV.7- PENHORA do imóvel, expedida nestes autos;AV.8- PENHORA do imóvel, expedido pela 13ª Vara Cível do Foro Central da Comarca de São Paulo, no proc. nº 1057471-26.2015.8.26.0100, movido por Maurício Cuccomo.

OBS.:  A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

IMÓVEL COMERCIAL/INDUSTRIAL

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL/INDUSTRIAL

Valores atualizados

Avaliação1.214.729,46
Lance mínimo1.214.729,46
Incremento5.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas225

Localização: Rua Vila Lafemina, nº 30, Penha, São Paulo/SP

Fórum/Vara:19ª VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL CÍVEL DA COMARCA DE SÃO PAULO – SP

Nº do processo:1136409-98.2016.8.26.0100

RQTE:BANCO DO BRASIL S/A

RQDO:CRAIL INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE ARTIGOS ESPORTIVOS EIRELLI


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 31/07/2019 à partir das 14:25h, e encerramento no dia 06/08/2019 às 14:25h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 26/08/2019 às 14:25h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a 60% (sessenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão - Lance mínimo  R$1.214.729,46

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 728.837,67


DESCRIÇÃO: Um imóvel comercial/industrial com 3 pavimentos - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um terreno, situado na Rua Vila Lafemina, 3º subdistrito-Penha de França, medindo 8,50m. de frente para a referida rua, por 20,00m. da frente aos fundos do lado esquerdo de quem da rua olha para o terreno, e 10,00 metros, da frente aos fundos do lado direito, finda essa metragem, faz um ângulo reto à direita, na distância de um metro e daí segue novamente à esquerda, em direção aos fundos, na distância de 10,00m. tendo nos fundos a largura de 10,00m encerrando a área mais ou menos, de 185,00m². fica distante 20,00. da esquina da Rua Recife, divide-se nos fundos com o terreno do Prédio nº 160/164, da Rua Guaiaúna, de propriedade de José Berman, e dos lados, o esquerdo com Pedro Moyses & Irmãos, e do lado direito com Santos Cassani e Marcos Buri. Consta no laudo de avaliação que sobre o terreno existe uma edificação comercial/industrial, contendo 3 (três) pavimentos e construída em alvenaria, sendo o pavimento térreo com 141,46m², o 1º pavimento com 120,29m², 2º pavimento com 120,29m², totalizando 382,04m². Imóvel localizado na Rua Vila Lafemina, nº 30, Penha, Município de São Paulo. Imóvel matrícula sob nº 124.477 no 12º CRI de São Paulo.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$  1.214.729,46(Um milhão, duzentos e quatorze mil, setecentos e vinte e nove reais e quarenta e seis centavos)

ÔNUS:Consta da referida matrícula: AV.6- PENHORA do imóvel, nestes autos; AV.07- PENHORA de 50% do imóvel de propriedade de Sergio Bellinetti, expedido pelo 29º Ofício Cível do Foro Central da Comarca de São Paulo, no proc. nº 1136267-94.2016.8.26.0100, movido por Banco do Brasil S/A; AV.08- PENHORA de 50% do imóvel de propriedade de Sylvia Christine Saccon, expedido pelo 29º Ofício Cível do Foro Central da Comarca de São Paulo, no proc. nº 1136267-94.2016.8.26.0100, movido por Banco do Brasil S/A; AV.09- PENHORA do imóvel, expedido pela Vara Unidade de Processamento Judicial III do Foro Central da Comarca de São Paulo, no proc. nº 1136419-45.2016.8.26.0100, movido por Banco do Brasil S/A;

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

SALA COMERCIAL A.T. 30,70 M²

Lote 01: SALA COMERCIAL A.T. 30,70 M²

Valores atualizados

Avaliação35.553,79
Lance mínimo21.332,27
Incremento500,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas310

Localização: Rua Dr. Braguinha (Praça Cel. Fernando Prestes) nºs 45 e 49,Sorocaba/SP.

Fórum/Vara:1ª VARA DA COMARCA DE PORTO FELIZ – SP

Nº do processo: 0002727-57.2012.8.26.0471

RQTE:  MARGARIDA AZULINI PAULETTO

RQDO:  MC DA SILVA COMERCIAL E SERVIÇOS


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

OLeilão com início no dia 09/07/2019 à partir das 16:10h, e encerramento no dia 29/07/2019 às 16:10h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a  60%(sessenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$  35.553,79

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 21.332,27


DESCRIÇÃO: Uma sala comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Uma unidade autônoma designada por sala nº 67, localizada no 6º pavimento do Edifício CEESP - Sorocaba, situado nesta cidade, o qual possui duas frentes, uma para a Rua Dr. Braguinha (Praça Cel. Fernando Prestes) nºs 45 e 49, sendo o primeiro correspondente a entrada principal da parte social do Edifício e o segundo destinado a entrada das dependências da Agência Sede da CEESP de Sorocaba; e a outra frente, para a Rua Maylasky, nº 17, destinado a entrada da Delegacia Regional da CEESP; com uma área construída 30,70 metros quadrados, correspondendo-lhe a fração ideal de 0,6828% do respectivo terreno, além do direito de uso das dependências sanitárias existentes nesse pavimento, direito esse exclusivo dos condôminos e usuários desse pavimento. Inscrição Cadastral: 44.44.70.0235.01.021. Imóvel matrícula nº 72481 do 2º CRI de Sorocaba/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO: R$  35.553,79(Trinta e cinco mil, quinhentos e cinquenta e três reais e setenta e nove centavos)

ÔNUS: Consta na referida matrícula:AV.4-PENHORA do imóvel, nestes autos;AV.5-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Cìvel do Foro Central de Votorantim, proc. nº 0002834-73.2013.8.26.0663, movido por Banco Bradesco S/A.

OBS.:  A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

Direitos sobre uma sala comercial

Lote 01: Direitos sobre uma sala comercial

Valores atualizados

Avaliação245.968,28
Lance mínimo245.968,28
Incremento1.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas186

Localização:Av. das Esmeraldas, n° 3895, Bloco Tokyo, sala 14, Marília/SP

Fórum/Vara:2ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE MARÍLIA – SP

Nº do processo:1004024-65.2018.8.26.0344

RQTE:CONDOMÍNIO COMERCIAL PRAÇA CAPITAL

RQDO: PRESENCE CONSULTORIA EXEC. EIRELI


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 31/07/2019 à partir das 14:50h, e encerramento no dia 06/08/2019 às 14:50h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 26/08/2019 às 14:50h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a70%(setenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão - Lance mínimo  R$245.968,28

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 172.177,79


DESCRIÇÃO:Os direitos sobre uma sala comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Unidade autônoma comercial nº 14, em construção, localizada no pavimento térreo, do bloco 2, Tokyo, do “Condomínio Comercial Praça Capital”, nesta cidade, com 52,6700m² de área privativa, 22,4137m² de área comum, 10,3500m² de área de vaga de estacionamento, correspondente a 01 (uma) vaga, 85,4337m² de área total, correspondendo à unidade uma fração ideal de 0,9876% no terreno, descrito e caracterizado na matrícula nº 51.577, deste serviço registral. Consta no laudo de avaliação que a unidade nº 14 apresenta área privativa igual a 52,67m². Imóvel matrícula nº57219 do 1º CRI de Marília/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$245.968,28(Duzentos e quarenta e cinco mil, novecentos e sessenta e oito reais e vinte e oito centavos)

ÔNUS:Não consta nos autos documentos probantes de eventuais ônus que recaiam sobre o bem.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



Imóvel comercial A.T. 1.504,27m²

Lote 01: Imóvel comercial A.T. 1.504,27m²

Valores atualizados

Avaliação2.103.409,74
Lance mínimo1.262.045,84
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas347

Localização:  Av. Idalina Tescarolo Sanfins,Itatiba/SP.

Fórum/Vara:2ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE ITATIBA – SP

Nº do processo:0006204-03.2017.8.26.0281

RQTE:BANCO DO BRASIL S/A

RQDO:ALFA FITAS METÁLICAS E METAIS FERROSOS LTDA EPP


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 05/07/2019 à partir das 16:00h, e encerramento no dia 10/07/2019 às 16:00h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 31/07/2019 às 16:00h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$2.103.409,74

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 1.262.045,84


DESCRIÇÃO:Um imóvel comercial -DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA 45.422:Uma Gleba de terras localizada na Avenida Idalina Tescarolo Sanfins, designada como “Gleba 3A&8208;5”, destacada da “Gleba 3 A ” que, por sua vez, foi destacada da gleba no 3, situada no Bairro da Ponte, no perímetro urbano desta cidade e comarca de Itatiba – Estado de São Paulo, dentro da seguinte descrição perimétrica:” Tem início num ponto localizado na lateral da Avenida Idalina Tescarolo Sanfins e na confrontação da Gleba 3A&8208;6; deste ponto, segue pela referida lateral, em curva com desenvolvimento de 15,33m, confrontando neste trecho com a mesma Avenida Idalina Tescarolo Sanfins; deste ponto, deflete a direita e segue com azimute de 307o22’47” e distância de 53,75m, confrontando neste trecho com a Gleba 3A&8208;4, de propriedade de Nordex Empreendimento e Participações Ltda., deste ponto, deflete á direita e segue em reta com azimute de 38o11’24” e distância de 15,00m confrontando neste trecho com a Gleba 3A&8208;7, de propriedade de Nordex Empreendimentos e Participações Ltda., deste ponto deflete à direita com azimute de 127o22’47” e distância de 50,42m, até atingir o ponto onde iniciou&8208;se esta descrição perimétrica, confrontando neste trecho com a Gleba 3A&8208;6, de propriedade de Nordex Empreendimentos e Participações Ltda., encerrando a área de 779,41m2. Inscrição no 23454&8208;53&8208;11&8208;00038&8208;0&8208;0032&8208;00000. Controle 61843.

DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA 45.423: Uma gleba de terraslocalizada na Avenida Idalina Tescarolo Sanfins, designada como “Gleba 3A-6”, destacada da “Gleba 3A” que, por sua vez, foi destacada da gleba nº3, situada no bairro da Ponte, no perímetro urbano desta cidade e comarca de Itatiba - Estado de São Paulo, dentro da seguinte descrição perimétrica: “Tem inicio num ponto localizado na lateral da avenida Idalina Tescarolo Sanfins e na confrontação da Gleba 3A-7; deste, ponto, segue pela referida lateral, em cura com desenvolvimento de 15,08m. confrontando neste trecho com a mesma avenida Idalina Tescarolo Sanfins; deste ponto, deflete à direita e segue com azimute de 307º22’47” e distância de 50,42m, confrontando neste trecho com a gleba 3A-5, de propriedade de Nordex Empreendimentos e Participações Ltda; deste ponto, deflete à direita e segue em reta, com azimute de 38º11’24” e distância de 6,13m; deste ponto, segue em curva com raio de 9,00m e desenvolvimento de 14,01m; daí, segue em reta, com azimute de 127º22’47” e distância de 39,88m, até atingir o ponto onde iniciou-se esta descrição perimétrica, confrontando neste trecho com a gleba 3A-7, de propriedade de Nordex Empreendimentos e Participações Ltda, encerrando a área de 724,86m². Matrícula nº 45423 do CRI de Itatiba/SP.

Consta no laudo de avaliação,galpão com estrutura pré&8208;moldada, pilares, vigas e tesouras; sistema de cobertura em telhas metálicas; fechamento do galpão em bloco; piso industrial em concreto; piso do escritório em porcelanato. Consta que perante a Prefeitura Municipal,consta a anexação do imóvel penhorado, objeto da matrícula nº 45422 (gleba 3A&8208;5), com área de 779,41m², com o imóvel contíguo, objeto da matrícula no 45423 (gleba 3A&8208;6), com área de 724,86m², resultandoárea total de 1.504,27m². Após a anexação dos lotes (gleba 3A&8208;5 e 3A&8208;6), foi aprovado junto à prefeitura projeto de construção degalpão industrial, com área construída de 1.396,35m².A área construída existente sobre referidas glebas ainda não consta do cadastro municipal, bem como está pendente de averbação perante o cartório de registro de imóveis. Sobre o imóvel (matrícula nº 45422), anexado à gleba 3A&8208;6 (matrícula no 45423), há benfeitorias incorporadas, caracterizadas como galpão industrial, comárea construída de 1.396,35m², conforme cadastro municipal. Matrículan° 45.422do CRI deItatiba/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$  2.103.409,74(Dois milhões, cento e três mil, quatrocentos e e nove reais e setenta e quatro centavos)

ÔNUS:Consta na referida matrícula nº 45422 do CRI de Itatiba:R.5-DISTRIBUIÇÃO de ação, expedido pela Seção de Distribuição Judicial da Comarca de Itatiba, no Proc. nº 4000493&8208;22.2012.8.26.0281, movido por Brasmetal Wealzholz S/A Indústria e Comércio;R.8-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Cível da Comarca de Itatiba, no proc. nº 1001502&8208;02.2014, movido por Franchi Contabilidade Ltda;AV.10-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de Itatiba, no proc. nº 1000427&8208;54&8208;2016, movido por Elcio Palline e Eneias Palline;AV.11-PENHORA do imóvel, expedido pelo Setor de Execuções Fiscais da Comarca de Itatiba, no proc. nº 77-2014, movido por Procuradoria Geral do Estado;AV.12-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de Itatiba/SP, no proc. nº 1000668-33.2013.8.26.0281, movido por Banco do Brasil S/A;AV.13-INDISPONIBILIDADE, expedida pela Vara do Trabalho de Itatiba, no proc. nº 00109993020175150145;AV.14-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Federal de Jundiaí, no proc. nº 5002613-02.2018.4.03.6128, movido por Ministério da Fazenda;AV.15- INDISPONIBILIDADE, devido a ação da AV.14, movida por Ministério da Fazenda;Consta na referida matrícula nº 4543 do CRI de Itatiba: AV.8- Consolidação da propriedade em favor de Caixa Econômica Federal

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

IMÓVEL COMERCIAL/INDUSTRIAL

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL/INDUSTRIAL

Valores atualizados

Avaliação1.712.396,81
Lance mínimo1.712.396,81
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas17

Localização:  Av. Dom Pedro I, 1768, Itanhaém-SP

Fórum/Vara:3ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE ITANHAÉM – SP

Nº do processo:0002211-51.2004.8.26.0266

RQTE:BANCO DO BRASIL SA

RQDO: FRUTAS INDUSTRIALIZADAS MONGAGUA LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O1° Leilão terá início no dia 30/08/2019 a partir das 15:10h, e encerramento no dia 05/09/2019 às 15:10h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 25/09/2019 às 15:10h(ambas no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que acima de60%(Sessenta por cento)da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$1.712.396,81

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 1.027.438,08


DESCRIÇÃO:   Um imóvel comercial/industrial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA:  Imóvel formado pela unificação dos lotes 74, 75 e 76 (objeto da inscrição municipal nº66.0005.074.00), com área total de Terreno de 6.450,00m² e diversas benfeitorias, com acesso pela Av. Dom Pedro I, 1768. O lote 74 corresponde ao imóvel matriculado sob nº13.475 no CRI de Itanhaém-SP, ou seja,A Chácara sob n° 74 da quadra 5, do Balneário Itaguaí, no município de Mongaguá, medindo 23,50 ms de frente para a Rua B, por 88,00 ms da frente aos fundos de ambos os lados, com a área de 2.050,00 m², sem benfeitorias, confrontando do lado esquerdo de quem da referida Rua B, olha para o imóvel, com a Viela A, com a qual faz esquina, e para onde também faz frente, do lado direito na mesma ordem, divide com a chácara n°75, de propriedade dos outorgantes vendedores; e finalmente nos fundos onde tem a mesma medida da frente, divide com a chácara n°57 de propriedade de Cássio de Souza Mello ou sucessores.O lote 75 corresponde ao imóvel matriculado sob n°13.476 no CRI de Itanhaém-SP, ou seja, A Chácara sob n° 75 da quadra 5, do Balneário Itaguaí, no município de Mongaguá, medindo 25,00ms de frente para a Rua B, por 88,00 ms da frente aos fundos de ambos os lados, com a área de 2.200,00 m², sem benfeitorias, confrontando do lado esquerdo de quem da referida Rua B, olha para o imóvel, com a chácara de n° 74, do lado direito na mesma ordem, divide com a chácara n° 76, e finalmente nos fundos onde tem a mesma medida da frente, divide com a chácara n° 56 de propriedade de Cássio de Souza Mello ou sucessores. O lote 76 corresponde ao imóvel matriculado sob n°13.477 no CRI de Itanhaém-SP, ou seja, A Chácara sob n° 76 da quadra 5, do Balneário Itaguaí, no município de Mongaguá, medindo 25,00ms de frente para a Rua B, por 88,00 ms da frente aos fundos de ambos os lados, com a área de 2.200,00 m², sem benfeitorias, confrontando do lado esquerdo de quem da referida Rua B, olha para o imóvel, com a chácara n° 75, do lado direito na mesma ordem, divide com a chácara n° 77, e finalmente nos fundos onde tem a mesma medida da frente, divide com a chácara n° 55 de propriedade de Cássio de Souza Mello ou sucessores. Conforme o laudo pericial o loteamento Itaguaí está localizado a cerca de 12 km do centro do município de Mongaguá - O imóvel está localizado na Av. Dom Pedro I, 1768, bairro Chácaras Itaguaí, em Mongaguá/SP - possui construções que perfazem a fábrica de Frutas Cristalizadas, com área total de Terreno de 6.450,00m².

VALOR DA AVALIAÇÃOPARA OS LOTES 74, 75 e 76:R$ 1.712.396,81(Um milhão, setecentos e doze mil, trezentos e noventa e seis reais e oitenta e um centavos) 

ÔNUS:Consta na referida matrícula de nº13.475:AV.2-PENHORA do imóvel, expedida pela Vara do Juizado Especial Cível e Criminal de Mongaguá-SP, Proc. n° 0005057-95.2005.8.26.0366, movido por Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia - INMETRO;AV.3-PENHORA do imóvel, expedido pelo Setor das Execuções FIscais da Comarca de Mongaguá, no proc. nº 3414-92.2011, movido por Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia - INMETRO;AV.4-PENHORA do imóvel, nestes autos. Consta na referida matrícula de nº13.476:AV.2-PENHORA do imóvel, nestes autos.Consta na referida matrícula de nº13.477:AV.2-ARRESTO sobre o imóvel, expedido pela 1ª Vara Cível da Comarca de Mongaguá-SP, Proc.n° 366.01.2003.000339-2 - ordem n° 680/2003, movido por José Spadotto;AV.3-PENHORA do imóvel, nestes autos.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL C

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL C

Valores atualizados

Avaliação14.392.132,05
Lance mínimo14.392.132,05
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas20

Localização: Avenida Castro Alves, n°s 318 e 322,  Marília/SP

Fórum/Vara:  3ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE MARÍLIA – SP

Nº do processo: 1008001-07.2014.8.26.0344

RQTE:  BANCO SANTANDER BRASIL S/A

RQDO:  CASA SOL MATERIAIS PARA CONSTRUÇÃO DE MARÍLIA LTDA


 LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O 1° Leilão terá início no dia 29/08/2019 à partir das 16:05h, e encerramento no dia 04/09/2019 às 16:05h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 24/09/2019 às 16:05h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$14.392.132,05

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 8.635.279,23


DESCRIÇÃO:Um imóvel comercial formado pelas matrículas nºs. 59.944 e 59.945 - Consta no laudo de avaliação que sobre as matrículas nºs 59.944 e 59.945 foi erigida a construção do prédio da loja que abrange as duas matrículas, sendo, portanto indivisíveis. A entrada principal da loja está localizada no piso térreo, sobre o terreno da matrícula nº 59.945 e possui amplo espaço para exposição e expedição de seus produtos, tendo imediatamente à frente a rampa de acesso ao mezanino, o qual possui amplo salão, com pé direito de 2,46m, livre de colunas, destinado à exposição de produtos. À direita, está localizada uma escada de acesso ao piso inferior onde há um amplo salão de exposição de produtos, cuja área abrange, além da matrícula nº 59945, também a de nº 59944.

DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA Nº 59.944 DO 1º CRI DE MARÍLIA:Um terreno compreendendo o lote designado pela P.M.M com sendo o lote de letra A(destacado do lote nº 11 (destacado da área A), destacada da quadra D, do Bairro Palmital, nesta cidade, medindo 25,00 metros de frente para a Avenida Castro Alves; por uma face lateral e da frente aos fundos mede 69,00 metros, confrontando com a Área B(destacada da quadra D); por outra face lateral e também da frente aos fundos mede 68,465 metros, confrontando com o lote B (destacado do lote nº 11 (destacado da áreaA); e finalmente na face dos fundos mede 25,946 metros, confrontando com propriedade da FEPASA; encerrando uma área de1.763,249 metros quadrados; localizado do lado par da numeração. Cadastrado na Prefeitura Municipal de Marília sob o nº 0001557904. Consta naAV.2da referida matrícula: No terreno foi construído um prédio comercial de tijolos sob n°s 318 e 322 da Avenida Castro Alves, comárea de 2.289,05 metros quadrados. Imóvel matriculado sobnº 59.944no 1º C.R.I deMarília-SP

ÔNUS:Consta na referida matrícula nº59.944do 1º C.R.I de Marília-SP: AV.1- HIPOTECA de 1° Grau, em favor do Banco Santander S/A;AV.3- PENHORA do imóvel, nestes autos;AV.4- PENHORA do imóvel, expedido pelo 5º Ofício Cível de Marília, no proc. nº 1005518-04.2014.8.26.0344, movido por Banco do Brasil; AV.5- PENHORA do imóvel, expedida pelo 1° Ofício Cível de Marília-SP, Proc. n° 1008599-58.2014.8.26.0344, movido por Banco do Brasil S/A;AV.6- PENHORA do imóvel, expedida pelo 2° Ofício Cível de Marília-SP, Proc. n°1014791-23.2014.8.26.0344, movido por Itaú Unibanco S/A; AV.7- PENHORA do imóvel, expedida pelo 3° Ofício Cível de Marília-SP, Proc.n° 1008575-30.2014.8.26.0344, movido por Banco do Brasil S/A;AV.8-PENHORA do imóvel, expedida pelo 4° Ofício Cível de Marília-SP, Proc.n° 1003723-26.2015.8.26.0344, movido por Banco Votorantim S/A;AV.9-DISTRIBUIÇÃO de ação, expedida pelo 4ª Vara Cível de São Carlos, Proc.n° 1000945-96.2015.8.26.0566, movido por Itaú Unibanco S/A;AV.10-PENHORA do imóvel, expedida pelo 4ª Vara Cível de São Carlos, Proc.n° 1000945-96.2015.8.26.0566, movido por Itaú Unibanco S/A;AV.11-PENHORA do imóvel, expedida pelo 4° Ofício Cível de Marília-SP, Proc.n° 1005520-71.2014.8.26.0344, movido por Banco do Brasil S/A;AV.12-PENHORA do imóvel, expedida pelo 2° Ofício Cível de Marília-SP, Proc.n° 1000287-59.2015.8.26.034, movido por Itaú Unibanco S/A;AV.13- PENHORA do imóvel, expedida pelo 3° Ofício Cível de Marília-SP, Proc. n° 1008575-30.2014.8.26.0344, movido por Banco do Brasil S/A.

DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA Nº 59.945 DO 1º CRI DE MARÍLIA:Um terreno compreendendo o lote designado pela P.M.M como sendo o lote de letra “B” (destacado do lote nº 11 (destacado da área “A”)), destacada da quadra “D”, do bairro Palmital, nesta cidade, medindo 17,00 metros de frente para a Avenida Castro Alves; por uma face lateral e da frente aos fundos mede 67,675 metros, confrontando com o lote 10 (destacado da quadra “D”); por outra face lateral e também da frente aos fundos mede 68,465 metros, confrontando com o lote “A” (destacado do lote nº 11 (destacado da área “A”)); e finalmente na face dos fundos mede 17,640 metros, confrontando com propriedade da FEPASA; encerrando uma área de1.157,190 metros quadrados; localizado do lado par da numeração. Cadastrado na P.M.M sob nº 0001557905. Imóvel matrículanº 59.945do 1º CRI deMarília/SP.

ÔNUS:Consta na referida matrícula 59.945:AV.1-HIPOTECA de 1º grau, em favor do Banco Santander S/A;AV.3-IMPENHORABILIDADE do imóvel (OBs: impenhorabilidade não possui efeitos em relação ao presente processo visto a decisão proferida no agravo de instrumento nº 2194309-94.2017.8.26.0000) ;AV.5- PENHORA do imóvel, nestes autos;AV.6-BLOQUEIO da parte ideal de &8531; (um terço) do imóvel pertencente a Daniele Mazuqueli Alonso Fernandes, expedido pela 1ª Vara do Trabalho de Marília, no proc. nº 0010341-07.2018.5.15.0101, movido por Leticia Teles Nunes. 

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$  14.392.132,05(Quatorze milhões, trezentos e noventa e dois mil, cento e trinta e dois reais e cinco centavos) 

ÔNUS: Consta na referida matrícula 59.945: AV.1- HIPOTECA de 1º grau, em favor do Banco Santander S/A; AV.3- IMPENHORABILIDADE do imóvel (OBs: impenhorabilidade não possui efeitos em relação ao presente processo visto a decisão proferida no agravo de instrumento nº 2194309-94.2017.8.26.0000) ; AV.5- PENHORA do imóvel, nestes autos; AV.6-BLOQUEIO da parte ideal de &8531; (um terço) do imóvel pertencente a Daniele Mazuqueli Alonso Fernandes, expedido pela 1ª Vara do Trabalho de Marília, no proc. nº 0010341-07.2018.5.15.0101, movido por Leticia Teles Nunes. 

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação. 


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

IMÓVEL COMERCIAL C/ 982,62 M²

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL C/ 982,62 M²

Valores atualizados

Avaliação1.257.381,02
Lance mínimo1.257.381,02
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas16

Localização: Rua José Gazotto Sobrinho, Engenheiro Coelho-SP

Fórum/Vara:VARA ÚNICA DA COMARCA DE ARTUR NOGUEIRA – SP

Nº do processo:0700139-67.2011.8.26.0666

RQTE:BANCO DO BRASIL S/A

RQDO:COLÉGIO DELTA EDUCAÇÃO BÁSICA E PROFISSIONAL SC LTDA


 LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O 1° Leilão terá início no dia 02/10/2019 à partir das 15:15h, e encerramento no dia 08/10/2019 às 15:15h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 28/10/2019 às 15:15h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a50%(cinquenta por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$1.257.381,02

2º Leilão - Lance mínimo  R$  682.690,51


DESCRIÇÃO:   Imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: O terreno designado por lote “01-A”, resultante da unificação dos lotes 01, 02 e 03, da quadra “D”, situado no loteamento “Residencial Forner”, no município de Engenheiro Coelho, desta comarca, com a área de 982,62m², medindo 31,00 metros em reta, e 14,14 metros em arco de concordância, com frente para o prolongamento da Rua José Gazotto Sobrinho; 40,00 metros no fundo, confrontando com o remanescente do Sítio Santa Inês, de propriedade de Antonio Forner; 25,00 metros do lado direito, de quem da rua olha, confrontando com o lote 04; e 16,00 metros do lado esquerdo, confrontando com o remanescente do Sítio Santa Inês, propriedade de Antonio Forner. Cadastro Municipal: 03.105.200.2116-2117-2118. Consta no laudo de avaliação um imóvel de médio porte com 982,62m², onde encontra-se instalada o colégio denominado Colégio Delta Educação Básica e Profissional SC Ltda. Imóvel matrícula n° 50474 do CRI de Mogi Mirim/SP

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$ 1.257.381,02(Um milhão, duzentos e cinquenta e sete mil, trezentos e oitenta e um reais e dois centavos) 

ÔNUS:Consta na referida matrícula:AV.1-HIPOTECA de 1° grau, em favor de Banco do Brasil S/A;R.2-HIPOTECA de 2° grau, em favor de Banco do Brasil S/A;AV.3-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho de Mogi Mirim, no proc. n° 0001147.07.2010.5.15.0022, movido por Maria do Rosário Rodrigues de Oliveira;AV.5-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho de Mogi Mirim, no proc. n° 0186700-64.2009.5.15.0022, movido por Paulo Marcelo Gouvea;AV.6-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho de Mogi Mirim, no proc. n° 0000246.05.2011.5.15.0022, movido por Ivani Aparecida Ribeiro Mendes;AV.7-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho de Mogi Mirim, no proc. n° 0001029.29.2011.5.15.0022, movido por Maria de Fátima Pereira Cardoso;AV.8-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho de Mogi Mirim, no proc. n° 0001752.16.2011.5.15.0022, movido por Carlos Rafael Duarte do Pateo;AV.9-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho de Mogi Mirim, no proc. n° 0001087-3.2010.5.15.0022, movido por Ana Cláudia Fontana; 

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação. 


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



SALÃO COMERCIAL

Lote 01: SALÃO COMERCIAL

Valores atualizados

Avaliação737.864,92
Lance mínimo737.864,92
Incremento3.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas20

Localização: Rua Amando de Barros, sob nºs. 320, 324,330e 334,  Botucatu/SP.

Fórum/Vara:2ª VARA DA COMARCA DE SÃO MANUEL – SP

Nº do processo:0002545-08.2007.8.26.0581 

RQTE: FLAG DISTRIBUIDORA DE PETROLEO LTDA

RQDO: COOPERATIVA DE CAFEICULTORES DA ZONA DE SÃO MANUEL 


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O 1° Leilão terá início no dia 02/10/2019 à partir das 15:45h, e encerramento no dia 08/10/2019 às 15:45h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 28/10/2019 às 15:45h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a70%(setenta por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$737.864,92

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 516.505,44


DESCRIÇÃO:  Um salão Comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um salão comercial C1, localizado no 1º pavimento, no edifício denominado “Condomínio Edifício Dante Stefanini”, situado à Rua Amando de Barros, sob nºs. 320, 324, 330 e 334, nesta cidade, mede 5,90 metros de frente para a Rua Amando de Barros, construído no alinhamento do passeio público, sem recuo frontal; pelo lado direito de quem da rua Amando de Barros olha para o Edifício, mede 26,45 metros e confronta com a unidade autônoma salão comercial C2; pelo lado esquerdo, mede 26,45 metros e confronta, parte com a área de uso comum do edifício e parte, sem recuo lateral, com propriedade de Guilherme Zanotto (Matrícula nº 16.279); e pela linha de fundos mede 8,10 metros e confronta com o remanescente do terreno, encerrando uma área útil de 204,51m², área total construída de 191,34m² (unidade independente, não ocupa área de uso comum) e uma fração ideal do terreno equivalente a 108,42 m², correspondente a 18,186% do seu todo. Imóvel matrículanº 33.366 do 2º CRI de Botucatu/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$ 737.864,92(Setecentos e trinta e sete mil, oitocentos e sessenta e quatro reais e noventa e dois centavos)

ÔNUS:Consta na referida matrícula:R.3-DOAÇÃO da parte ideal correspondente a 50% do imóvel, para Adriana Carrer Stefanini Gemeinder e seu cônjuge José Lucio Padua, Fabiola Carrer Stefanini, e Alexandre Carrer Stefanini e seu cônjuge Ana Luisa Brighenti Saglietti Stefanini.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação. 


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL A.T. 4.654,26  M²

Lote 01: IMÓVEL COMERCIAL A.T. 4.654,26 M²

Valores atualizados

Avaliação5.063.303,59
Lance mínimo5.063.303,59
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas14

Localização:   Rua José Zacura, n° 223,  SANTA CRUZ DO RIO PARDO – SP

Fórum/Vara: 1ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE SANTA CRUZ DO RIO PARDO – SP

Nº do processo:0005583-13.2014.8.26.0539(Seg. de Justiça)

RQTE: A UNIÃO - FAZENDA NACIONAL

RQDO:MÁQUINAS SUZUKI S/A 


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O 1° Leilão terá início no dia 29/08/2019 à partir das 14:25h, e encerramento no dia 04/09/2019 às 14:25h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 24/09/2019 às 14:25h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferiores a70%(setenta por cento) da última avaliação atualizada ou80%(oitenta por cento) do valor de avaliação atualizada, caso se trate de imóvel de incapaz e/ou meação de bens.

1º Leilão - Lance mínimo  R$5.063.303,59 

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 3.544.312,51


DESCRIÇÃO:  Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um imóvel situado nesta cidade e comarca, na Vila Santa Aureliana, com frente para a Rua José Zacura, fazendo esquina com a RUa Padre Figueira, contendo parte de edificações para instalações industriais, sob nº 223, consistente em dois (2) barracões, medindo um deles 10,00 x 40,00 metros, e um prédio para escritório, antigamente usado com residência, de tijolos, cobertos de telhas, medindo o terreno 105,30 metros (cento e cinco metros e trinta centímetros) de frente e de fundos, confrontando pela frente com a Rua José Zacura, e pelos fundos com Vitório Ferrazini, Alcebiades Cabral, José Vicente Cabral da Silva e Carlos Cabral da Silva, antigamente Estádio Leonidas Camarinha, do lado direito de quem da rua olha para o imóvel segue em quarenta e cinco (45,00) metros confrontando com a rua Padre Digueira, e do lado esquerdo com Antonio Serra em quarenta e três metros e quarenta centímetros (43,00 mts), antigamente com Vitório Ferrazini, Alcebiades Cabral, José Vicente Cabral da Silva e Carlos Cabral da Silva. Consta no auto de avaliação área total construída de 3.563,00 metros quadrados, e área do terreno 4.654,26 metros quadrados. Consta na R.2 da matrícula 3 barracões  germinados com área de 1.564,41 metros quadrados; um barracão para depósito com área de 595,45 metros quadrados, um barracão para fundição com sanitários e depósito para carvão com área de 405,63 metros quadrados, um barracão para secador de madeira com área de 267,75 metros quadrados, um barracão para mecânica com área de 563,84 metros quadrados, um escritório com área de 192,36 metros quadrados, um escritório com área de 116,22 metros quadrados. Imóvel matrícula 2396 do CRI de Santa Cruz do Rio Pardo/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$ 5.063.303,59(Cinco milhões, sessenta e três mil, trezentos e três reais e cinquenta e nove centavos) 

ÔNUS:Consta na referida matrícula:R.5-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 205/96, movido por Instituto Nacional do Seguro Social;R.6-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 34/95, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;R.7-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 15/94, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;R.8-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 11/99, movido por Fazenda Nacional;R.10-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 32/99, movido por Fazenda Nacional;R.11-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 36/99, movido por Fazenda Nacional;R.12-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 196/96, movido por Fazenda Nacional;R.13-PENHORA do imóvel, expedido pela 1º Oficio Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 28/05, movido por Instituto Nacional do Seguro Social;R.14-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 103/02, movido por Fazenda Nacional;R.15-PENHORA do imóvel, expedido pela 3ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 33/2004, movido por União;R.16-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 74/05, movido por Fazenda Nacional;R.17-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 97.1003880-0/1997, movido por Fazenda Nacional;AV.18-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 09/2004, movido por Instituto Nacional do Seguro Social - INSS;AV.19-PENHORA do imóvel, expedido pela 3ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 50/2013, movido por União;AV.20-PENHORA do imóvel, nestes autos;AV.21-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Ourinhos, no proc. nº 205/96, movido por Instituto Nacional do Seguro Social;AV.22-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 0000594-23.1998.8.26.0539, movido por Instituto Nacional do Seguro Social;AV.23-INDISPONIBILIDADE do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 0010702-29.2017.5.15.0143;AV.24-PENHORA do imóvel, expedido pela 3ª Vara Judicial da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 11/2004, movido por Instituto Nacional do Seguro Social;AV.25-PENHORA do imóvel, expedido pela 3ª Vara Cível da Comarca de Santa Cruz do Rio Pardo, no proc. nº 059/2009, movido por União.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


 Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação. 


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL INDUSTRIAL

Lote 01: IMÓVEL INDUSTRIAL

Valores atualizados

Avaliação2.265.351,38
Lance mínimo2.265.351,38
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas13

Localização: São Manuel/SP

Fórum/Vara: 2ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE SÃO MANUEL – SP

Nº do processo:0003176-78.2009.8.26.0581

RQTE:UNIÃO

RQDO:POLIFIBER INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O 1° Leilão terá início no dia 02/10/2019 à partir das 16:30h, e encerramento no dia 08/10/2019 às 16:30h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 28/10/2019 às 16:30h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a70%(setenta por cento) do valor da avaliação ou 80% do valor de avaliação atualizada, caso se trate de imóvel de incapaz.

1º Leilão - Lance mínimo  R$2.265.351,38

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 1.585.745,96


DESCRIÇÃO:  Imóvel Industrial - Um prédio construído em estrutura metálica e alvenaria - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA n°7.727: Um lote de terreno sob n° 02 (dois), da Quadra E, do desmembramento denominado Chácaras Água da Rosa, no distrito de Aparecida de São Manuel, município e comarca de São Manuel, circunscrição única, com a área de 7.571,16 metros quadrados, com as seguintes medidas e confrontações: com frente para a RUA E mede, 116,25 metros; do lado direito confronta com o lote n° 3, Quadra E, mede 50,76 metros; do lado esquerdo confronta com o lote n° 1, Quadra E, mede 73,00 metros; aos fundos confronta  com o lote n° 4 e uma área pertencente a P.M.S.M.; mede 131,50 metros. 

ÔNUS:Consta na referida matrícula:R.5- PENHORA do imóvel, nos Autos da Execução Fiscal n° 153/96, da 1ª Vara Cível da Comarca de São Manuel/SP;R.6 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel – SP, Execução Fiscal proc. n° 682/98;R.7 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel, Execução Fiscal proc. n° 117/99 movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.8 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 062/03.R.9 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 051/03;R.10 -  PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°052/03;R.11 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°047/04;R.12 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°230/04;R.13 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 234/04;R.14 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 39/05;R.15 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 124/04;R.16 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 046/05;R.17 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 047/05;R.18 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 055/05;R.19 -PENHORA, expedida pela 1° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 122/05;R.20 -PENHORA, expedida pela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°106/06;R.21 -PENHORA, expedida pela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 107/06;R.24 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 026/07;R.25 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 70/2007;R.26 -  PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 755/06;R.27 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 014/99;R.28- PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 59/05;R.29 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 043/03;R.30 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 052/07;R.31 -PENHORA, expedida pela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 69/08;R.32 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 692/98;R.33 –PENHORA do imóvel, pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 90/09;AV.34 -PENHORA do imóvel nestes autos;AV.36 -PENHORA, expedida pela 2° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 84/09;AV.37 -PENHORA, expedida pela 2° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2009.003653-1 (n. de Ordem 105/09);AV.38 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2002.002887-0 (n. de Ordem 323/02);AV.39 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2000.002104-4 (n° de Ordem 72/00);AV.40 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.004486-5 (n° de ordem 227/10);AV.41 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2007.001402-4 (n° d ordem 26/07);AV.42 -PENHORA, expedida pela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.0077602-1 (n° de ordem 904/10);AV.43 -PENHORA, expedida pela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.003269-1 (n° de ordem 169/10);AV.44 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 25/2000;AV.45- Consta que foi decretada a FALÊNCIA de POLIFIBER IND. E COM. LTDA, nos autos n° 581.01.2009.007013-1, ordem n° 1392/2009;R.46- Consta que diante do julgamento de agravo de instrumento foi REVOGADA A FALÊNCIA de POLIFIBER IND. E COM. LTDA, constante na Av.45;R.47 -PENHORA, expedida pela Vara do Trabalho de Botucatu-SP/TRT da 15ª Região, nos autos do proc. n° 0131500-10.2002.5.15.0025, ação trabalhista movida por José Luiz Maziero;AV.48 -PENHORA, expedida pela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 262005;AV.49 -PENHORA, expedida pela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0001867-66.2002.8.26.0581;R.50 –PENHORA do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial de São Manuel/SP, no proc. nº 0001811-28.2005.8.26.0581, movido pela Fazenda Nacional;R.51 -PENHORA, expedida pela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0181043.2005.8.26.0581;AV. 52 -PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial desta Comarca de São Manuel/SP, no proc. nº 000121189-89.2014.8.26.0581, movido pela Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV. 53 -PENHORA do imóvel, expedido pelo 2° Ofício Judicial de São Manuel, em favor da União, no proc. n° 0000070-94.1998.8.26.0581;AV. 54 -PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial desta Comarca de São Manuel/SP, no proc. nº 0001136-41.2000.8.26.0581, movido pelo Ministério da Fazenda;AV. 55 -PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu/SP, no proc. nº 0002848-16.2016.403.6131, movido pela Fazenda Nacional;AV. 56 -PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu/SP - 31ª Subseção Judiciária em São Paulo, no proc. nº 0000544-78.2015.403.6131, movido pela Fazenda Nacional;AV. 57 -PENHORA do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial de São Manuel/SP, no proc. nº 0007003-29.2011.8.26.0581, movido pelo Município de São Manuel;AV.58 -PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu - 31ª Subseção Judiciária em São Paulo, em favor da Fazenda Nacional, no proc. n° 3101.2018.01263;AV.59 -PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu - 31ª Subseção Judiciária em São Paulo, em favor da Fazenda Nacional, no proc. n° 0002143-18.2016.403.6131.

DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA n° 7.729:Um lote de terreno sob n° 04, quadra “E” do desmembramento denominado Chácara Água da Rosa, no distrito de Aparecida de São Manuel, município e comarca de São Manuel, circunscrição única, com área de 5.000,21m², com as seguintes medidas e confrontações: - com frente para AVENIDA “F” (Rua Guilherme Ortolan), mede 97,61 metros; do lado direito confronta com uma área de P.M.S.M., mede 57,40 metros; do lado esquerdo confronta com o lote 03, quadra “E”, mede 43,57 metros; aos fundos confronta com o lote 02, quadra “E”, mede 101,24 metros. .

ÔNUS:Consta na referida matrícula:R.6 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel – SP, Execução Fiscal proc. n° 682/98;R.7 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel, Execução Fiscal proc. n° 117/99 movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.8 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 062/03;R.9 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 051/03;R.10 -  PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°052/03;R.11 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°047/04;R.12 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°230/04;R.13 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 234/04;R.15 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 39/05;R.16 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 124/04;R.17 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 046/05;R.18 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 047/05;R.19 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 055/05;R.20 -PENHORA, expedida pela 1° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 122/05;R.21 -PENHORA, expedida pela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°106/06;R.22 -PENHORA, expedida pela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 107/06;R.25 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 026/07;R.26 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 70/07;R.27 - PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 755/06;R.28 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 014/99;R.29 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 59/05;R.30 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 043/03;R.31 -PENHORA, expedida pela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 052/07;R.32 -PENHORA, expedida pela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 69/08;R.33 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 692/98;R.34 –PENHORA, correspondente a fração ideal de 1% do imóvel a que se refere a presente matrícula, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 042/99;R.35 -PENHORA, correspondente a fração ideal de 1% do imóvel a que se refere a presente matrícula, expedida pela 1ª V.C. de Americana/SP, nos autos da ação de cobrança proc. n° 1494/05;R.36 -PENHORA, expedida pela 2° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 90/09;R.37 -PENHORA do imóvel, nestes autos;R.38 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 84/09;R.39 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2009.003653-1(n° de ordem 105/09);R.40 -PENHORA, expedida pela ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2002.002887-0 (n° de ordem 323/02);R.41 -PENHORA, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2000.002104-4 (n° d ordem 72/00);R.42 -PENHORA, expedida pela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.004486-5 (n° de ordem 227/10);R.43 -PENHORA, expedida pela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.0077602-1 (n° de ordem 904/10);R.44 -PENHORA, correspondente a fração ideal de 4% do imóvel a que se refere a presente matrícula, expedida pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.003269-1 (n° de ordem 169/2010);R.45 -PENHORA, expedida pela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° de ordem 25/00;R.47 –PENHORA do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial de São Manuel/SP, no proc. nº 474/1998, movido pela Fazenda Nacional;R.50 -PENHORA, expedida pela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° de ordem 243/11;R.51 -PENHORA, expedida pela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° de ordem 31/03;R.52 -PENHORA, expedida pela Vara do Trabalho de Botucatu/SP – TRT15 da 15ª Região, extraído dos autos do proc. n° 0131500-10.2002.5.15.0025 RTOrd, ação trabalhista movida por José Luiz Maziero;R.53 -PENHORA, expedida pela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 262005;R.54 -PENHORA, expedida pela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0001867-66.2002.8.26.0581;R.55 -PENHORA, expedida pela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 181128.2005.8.26.0581;R.56 -PENHORA, expedida pela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0181043.2005.8.26.0581;AV.57 -PENHORA do imóvel, expedida pelo 1° Ofício Judicial de São Manuel/SP, no proc. n° 3005182-65.2013.8.26.0581, movido pela Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.58 -PENHORA do imóvel, expedida pelo 2° Ofício Judicial de São Manuel/SP, no proc. n° 000121189-89.2014.8.26, movido pela Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.59 -PENHORA do imóvel, expedido pelo 1° Ofício Judicial de São Manuel/SP, no proc. n° 0003187-34.2014..8.26.0581, movido pela Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.60 -PENHORA do imóvel, expedido pelo 2° Ofício Judicial de São Manuel/SP, no proc. n° 0001136-41.2000.8.26.0581, movido pelo Ministério da Fazenda;AV.61 -PENHORA do imóvel, expedido pelo 2° Ofício Judicial de São Manuel, em favor da União, no proc. n° 0000070-94.1998.8.26.0581;AV.62 -PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu - 31ª Subseção Judiciária em São Paulo, no proc. n° 0002848-16.2016.403.6131, movido pela Fazenda Nacional;AV.63 -PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu - 31ª Subseção Judiciária em São Paulo, no proc. n° 0000544-78.2015.403.6131, movido pela Fazenda Nacional;AV. 64 -PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, em favor da Fazenda Nacional, no proc. n° 0002000-63.2015.403.6131;AV.65 -PENHORA do imóvel, expedida pelo 2° Ofício Judicial de São Manuel, em favor do Ministério da Fazenda, no proc. n° 3002678-86.2013.8.26.0220/30;AV. 66 -PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, em favor da Fazenda Nacional, no proc. n° 0002143-18.2016.403.6131.CONSTA NO AUTO DE PENHORA:Sobre estes referidos terrenos encontra-se edificadoumprédio construído em estrutura metálica e alvenaria, medindo aproximadamente 3.000 metros quadrados, especialmente preparado para a indústria.Ainda, os imóveis constatados encontram-se situados em área eminentemente industrial, está próxima à confrontação entre as Rodovias Marechal Rondon e João Mellão, pouco beneficiada pelos serviços públicos e com ausência de pavimentação asfáltica, atualmente com entrada pela Rua Domingos Calviti.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$ 2.265.351,38(Dois milhões, duzentos e sessenta e cinco mil, trezentos e cinquenta e um reais e trinta e oito centavos) 

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



PRÉDIO COMERCIAL A.T. 1.200 M²

Lote 02: PRÉDIO COMERCIAL A.T. 1.200 M²

Valores atualizados

Avaliação584.471,42
Lance mínimo584.471,42
Incremento2.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas54

Localização:Rua 07 de Setembro, n° 120, Paraguaçu Paulista-SP

Fórum/Vara:1ª VARA DA COMARCA DE PARAGUAÇU PAULISTA – SP

Nº do processo:0000037-82.1996.8.26.0417

RQTE:BANCO DO BRASIL SA

RQDO: INDARMIL INDUSTRIA DE ARROZ E MILHO LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 28/08/2019 à partir das 14:20h, e encerramento no dia 03/09/2019 às 14:20h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 23/09/2019 às 14:20h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão - Lance mínimo  R$ 584.471,42

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 350.682,85


DESCRIÇÃO:Um prédio comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um prédio comercial, consistente de salão para indústria, anexos com dois pequenos salões e um escritório, construído de tijolos, coberto com telhas, com frente para a Rua 07 de setembro, e seu respectivo terreno que mede trinta metros (30,00 ms) de frente, por quarenta metros (40,00 ms) da frente aos fundos, perfazendo uma área de hum mil e duzentos metros quadrados (1.200,00 m²), confrontando-se pela frente com a rua 07 de Setembro; pelo lado direito de quem da citada rua olha para o imóvel, confronta-se com propriedades de Antonia Flausina Gonçalves e de Alaíde Zibordi; pelo lado esquerdo, confronta-se com propriedade de Stela Marys Alfredo Libanore seu marido e outros, e, finalmente, nos fundos, confronta-se com propriedades do Espólio de Humberto Soncini e ainda de Manoel Koo Sassada. (Cadastro Municipal nº 00131.700-8). Imóvel matrícula nº 10354 do CRI de Paraguaçu Paulista/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$   584.471,42(Quinhentos e oitenta e quatro mil, quatrocentos e setenta e um reais e quarenta e dois centavos)

ÔNUS:Não consta nos autos documentos probantes de eventuais ônus que recaiam sobre o bem.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.




IMÓVEL COMERCIAL A.T. 24.773,65 M²

Lote 02: IMÓVEL COMERCIAL A.T. 24.773,65 M²

Valores atualizados

Avaliação3.490.659,40
Lance mínimo3.490.659,40
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas41

Localização:São Manuel/SP. 

Fórum/Vara: 1ª VARA DA COMARCA DE SÃO MANUEL– SP

Nº do processo:0006956-26.2009.8.26.0581

RQTE:FAZENDA DO ESTADO DE SÃO PAULO

RQDO:CARIBEA INDUSTRIA MADEIREIRA LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O 1° Leilão terá início no dia 23/09/2019 à partir das 14:00h, e encerramento no dia 26/09/2019 às 14:00h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 16/10/2019 às 14:00h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$3.490.659,40

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 2.094.395,64


DESCRIÇÃO:  Um imóvel Comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Uma gleba de terrascom 24.773,65 metros quadrados, situada no distrito industrial de São Manuel, neste município e comarca de São Manuel, circunscrição única, que segundo planta e memorial descritivo assim se descreve: “UMA GLEBA DE TERRAS contendo 24.773,65 metros quadrados (vinte e quatro mil, setecentos e setenta e três metros e sessenta e cinco decímetros quadrados), desmembrado de área maior pertencente à Prefeitura Municipal de São Manuel, dentro do perímetro urbano de São Manuel, localizada junto ao encontro da SP-255  e SP-300, com a seguinte descrição perimétrica: partindo do marco 00 (zero-zero), localizado junto à cerca do D.E.R., nas divisas da SP-300, Kenji Sguiyama e Prefeitura Municipal de São Manuel, parte com azimute de 111º 30’ e distância de 240,00 metros atingindo aí o marco 0 (zero) ponto inicial do perímetro da área a ser desmembrada. Do marco 0 (zero) vai ao marco 01 (hum) com azimute de 114° 30’ e distância de 60 metros (sessenta); do marco 01 (hum) vai ao marco 02 (dois) com azimute de 23° e distância de 37,50m (trinta e sete metros e cinquenta centímetros); do marco 02 (dois) atinge o marco 03 (três) com azimute de 115° e distância de 48 metros; do marco 03 (três) desenvolve-se um arco de comprimento de 10,94 metros e raio de 22,00 metros, atingindo aí o ponto 04 (quatro); do marco 04 (quatro) vai ao marco 05 (cinco) com azimute de 143° e distância de 157,50 metros (cento e cinquenta e sete metros e cinquenta centímetros); do marco 05 (cinco) desenvolve-se uma curva com comprimento de 75,43 metros e raio de 86,00 metros atingindo aí o ponto 06 (seis); do marco 06 (seis) vai ao ponto 07 (sete) com azimute de 193° e distância de 56,00 metros; do marco 07 (sete) desenvolve-se uma curva de comprimento igual a 17,15 metros e raio de  7,50 metros, atingindo aí o ponto oito; do marco oito vai ao marco nove com azimute de 323° e distância de 236,50 metros; do marco nove vai ao marco 10 com azimute de 310° e distância de 32,50 metros; do marco dez vai ao marco onze com azimute de 299° e distância de 33,50 (trinta e três metros e cinquenta centímetros); do marco onze desenvolve-se um arco de raio igual a 14,50 metros e comprimento igual a 17,63 metros atingindo o ponto doze; do marco doze vai ao ponto inicial zero com azimute de 358° 30’ e distância de 31,50 metros, completando-se a gleba com 24.773,65 metros quadrados”. Consta na Av.4 da matrícula a construção de um prédio industrial, de tijolos e coberto de telhas, situado no DISTRITO INDUSTRIAL, n° 205, contendo um galpão, sanitário, sala própria para assistência médica, escritório, com 950,23 metros quadrados, o qual posteriormente foi ampliado passando a ter mais dois galpões, sendo um com banheiro, dois escritórios, banheiro, área de circulação, instalações elétrica e sanitária com 308,00 metros quadrados, encerrando uma área construída de 1.258,23 metros quadrados. Consta na Av.5 da matrícula a construção de um pavilhão, de tijolos e coberto de telhas, com a área coberta de 1.734,61 metros quadrados, situado no DISTRITO INDUSTRIAL. Consta no auto de avaliação que sobre a área encontra-se edificada toda a área industrial da empresa, escritórios, depósitos, casa da zeladoria e estacionamento pavimentado, totalizando aproximadamente 6.000 metros quadrados de área construída. Imóvel Matriculado sob n° 3.610 do Cartório de Registro de Imóveis de São Manuel/SP. 

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$3.490.659,40(Três milhões, quatrocentos e noventa mil, seiscentos e cinquenta e nove reais e quarenta centavos) 

ÔNUS:Consta na matrícula n° 3.610 do CRI de São Manuel/SP:R.6-PENHORA da fração ideal de 3/10 (três décimos) do imóvel, expedida pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel, Proc. n°13/2005, movido por Instituto Nacional de Seguro Social - INSS; R.7-PENHORA da fração ideal de 4% (quatro por cento) do imóvel, expedido pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel - SP, Proc. n°12/2005 movido Instituto Nacional de Seguro Social - INSS;R.8-PENHORA da fração idealde 1/10% (um décimo) do imóvel, expedida pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n°581.01.001236-0, n° de ordem 57/05, movido por Instituto Nacional de Seguro Social - INSS;R.9-PENHORA da fração ideal correspondente a 40% (quarenta por cento) do imóvel , expedido pelo 2° Ofício Cível da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n°43/07, movido pela União;Av.10-PENHORA da totalidade do remanescente do imóvel, expedido pelo 2° Ofício Cível da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n°581.01.2007.004727-5, nº de ordem 79/07, movido por Instituto Nacional de Seguro Social - INSS; Av.11-PENHORA da fração ideal de 3,3% do imóvel, expedido pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° 581.01.2001.000587-7 n° de ordem 80/01, movido pela Fazenda Nacional;Av.12-PENHORA da fração ideal correspondente a 2,36% do imóvel, expedido pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel-SP, Proc. n°581.01.2004.002647-2, nº de ordem 79/2004, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;Av.13-PENHORA da fração ideal correspondente a 4,70% do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de São Manuel/SP, no proc. n° 581.01.2004.002313-7, n° de ordem 70/04, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;Av.14-PENHORA da totalidade do imóvel, expedida pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc.n° 581.01.2011.001919-2,  n°de ordem 076/2011, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;Av.15-PENHORA da totalidade do imóvel, destes autos;16-PENHORA da totalidade do imóvel, expedido pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° de Ordem 93/2009, movido por União;Av.17-PENHORA da fração ideal de 11,77% do imóvel, expedida pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° de Ordem 93/2009, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;Av.18-PENHORA da totalidade do imóvel, expedida pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. nº de ordem 259/2010, movido por União;Av.19 -PENHORA da fração ideal de 11,7777% do imóvel, expedida pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° de Ordem 451/2009, movido por Fazenda do Estado de São Paulo; Av.20-PENHORA da fração ideal correspondente a 4,07% do imóvel, expedida pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° de Ordem 17/2005, movido pela Fazenda Nacional;Av.21-PENHORA do imóvel, expedida pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc.n° 0003655-71.2009.8.26.0581, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;Av.22-PENHORA do imóvel, expedida pelo 1º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° 0000751-78.2009.8.26.0581, movido por Estado de São Paulo;Av.23 -PENHORA do imóvel, expedida pelo 1º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° 0004239-36.2012.8.26.0581, movido por Estado de São Paulo;Av.24-PENHORA do imóvel, expedida pelo1ºOfício Judicial da Comarca de São Manuel/SP, Proc.n°0001342-16.2004.8.26.0581, movido por Estado de São Paulo;Av.25-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc.n° 0004483-33.2010.8.26.0581, movido por Estado de São Paulo;Av.26 -PENHORA do imóvel, expedida pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° 2313982004, movido por Secretaria da Fazenda;AV.27-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho de Botucatu/SP, Execução Trabalhista n° 0025300-03.2007.5.15.0025 da (TRT-15ª Região), movida por Kate Cilene Roberta Rodrigues da Cruz;AV.28-PENHORA da fração ideal de 27,50% do imóvel, expedido pelo 2º Ofício de São Manuel, no proc. nº 3005184-35.2013.8.26.0581, movido por Ministério da Fazenda;AV.29-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho de Botucatu, no proc. nº 0175500-22.2007.5.15.0025, movido por Vera Lucia de Mello Tineu;AV.30-PENHORA da fração ideal de 3,50% do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial de São Manuel, no proc. nº 0005313-72.2014.8.26.0581, movido por Ministério da Fazenda;AV.32-PENHORA de 50% do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial de São Manuel, no proc. nº 0003267-37.2010.826.0581, movido por Ministério da FazendaAV.33-PENHORA do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial de São Manuel, no proc. nº 0001536-35.2015.8.26.0581, movido por Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.34-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial de São Manuel, no proc. nº 0002373-17.2017.8.26.0581, movido por Cia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo - SABESP. 

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação. 


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL

Lote 02: IMÓVEL COMERCIAL

Valores atualizados

Avaliação2.448.373,24
Lance mínimo2.448.373,24
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas18

Localização: Avenida Castro Alves, n° 328/322 Marília/SP.

Fórum/Vara:3ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE MARÍLIA – SP

Nº do processo:1008001-07.2014.8.26.0344

RQTE:BANCO SANTANDER BRASIL S/A

RQDO:CASA SOL MATERIAIS PARA CONSTRUÇÃO DE MARÍLIA LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

 O 1° Leilão terá início no dia 29/08/2019 à partir das 16:05h, e encerramento no dia 04/09/2019 às 16:05h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 24/09/2019 às 16:05h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$ 2.448.373,24

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 1.469.023,94


DESCRIÇÃO:  Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um terreno compreendendo o lote nº 10 (destacado da área “A” (destacada da quadra de letra “D”), do bairro Palmital, nesta cidade, medindo 22,00 metros de frente para a Avenida Castro Alves; por uma face lateral e da frente aos fundos, mede 66,564 metros, confrontando com o lote nº 09 (destacado da área “A” (destacada da quadra de letra “D”); por outra face lateral e também da frente aos fundos, mede 67,675 metros, confrontando com o lote nº 11 (destacado da área “A” (destacada da quadra de letra “D”); nos fundos, mede 22,83 metros, confrontando com a linha ferrea da FEPASA; encerrando uma área de 1.493,743 metros quadrados; distante 149,45 metros do terreno da Cia. Antártica Paulista, localizado do lado par da numeração. Cadastrado na P.M.M sob nº 01557903. Consta no laudo de avaliação que sobre o terreno, foi erigida uma construção do tipo sobrado, destinada a usos diversos, tais como, depósito de materiais no piso térreo e escritórios no piso superior. A área construída corresponde a 284,80m² e a área remanescente do terreno é destinada a estacionamento. Imóvel matrícula nº 34.334 do 1º CRI de Marília/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$ 2.448.373,24(Dois milhões, quatrocentos e quarenta e oito mil, trezentos e setenta e três reais e vinte e quatro centavos) 

ÔNUS:Consta na referida matrícula:R.4-HIPOTECA de 1º grau, em favor de Banco Santander (Brasil) S/A;AV.6-IMPENHORABILIDADE do imóvel;AV.8- PENHORA do imóvel, nestes autos;AV.9-BLOQUEIO da parte ideal de &8531; (um terço) do imóvel pertencente a Daniele Mazuqueli Alonso Fernandes, expedido pela 1ª Vara do Trabalho de Marília, no proc. nº 0010341-07.2018.5.15.0101, movido por Leticia Teles Nunes.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação. 


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL RESIDENCIAL E COMERCIAL

Lote 02: IMÓVEL RESIDENCIAL E COMERCIAL

Valores atualizados

Avaliação1.397.939,59
Lance mínimo1.397.939,59
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas18

Localização: Av. Floriano Peixoto, nºs. 695 e 701, Botucatu/SP.

Fórum/Vara:2ª VARA DA COMARCA DE SÃO MANUEL – SP

Nº do processo:0002545-08.2007.8.26.0581 

RQTE: FLAG DISTRIBUIDORA DE PETROLEO LTDA

RQDO: COOPERATIVA DE CAFEICULTORES DA ZONA DE SÃO MANUEL 


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O 1° Leilão terá início no dia 02/10/2019 à partir das 15:45h, e encerramento no dia 08/10/2019 às 15:45h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 28/10/2019 às 15:45h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a70%(setenta por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$1.397.939,59

2º Leilão - Lance mínimo  R$  978.557,71


DESCRIÇÃO:Um imóvel residencial e comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Um prédio assobradado, construído de tijolos e coberto de telhas, com frente para a avenida Floriano Peixoto, sob nºs. 695 e 701, no 1º subdistrito de Botucatu, com seu terreno e quintal, medindo 15,40 metros de frente, mais ou menos, por 44,00 metros da frente aos fundos, dividindo de um lado com Jair Rodrigues Alves; de outro lado com Pepino Meluso e nos fundos com Serafim Blasi & CIA. Consta no laudo de avaliação que o imóvel consiste em um conjunto residencial e comercial, com dois andares, contendo no pavimento inferior um salão comercial e o pavimento superior destinado a residência, esse que ora se incorpora ao imóvel, formando um só todo, com uma área construída de 731,30m² .Imóvel matrícula nº 20817 do 2º CRI de Botucatu/SP.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$ 1.397.939,59(Um milhão, trezentos e noventa e sete mil, novecentos e trinta e nove reais e cinquenta e nove centavos) 

ÔNUS:Não consta nos autos documentos probantes de eventuais ônus que recaiam sobre o bem.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação. 


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.




Imóvel Comercial A.T. 605,00 M²

Lote 04: Imóvel Comercial A.T. 605,00 M²

Valores atualizados

Avaliação519.337,86
Lance mínimo311.602,71
Incremento5.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas220

Localização: Av. XV de Novembro, nº 1552,  Bariri - SP

Fórum/Vara:1ª VARA DA COMARCA DE BARIRI – SP

Nº do processo:0501521-48.2011.8.26.0062

RQTE:FAZENDA DO MUNICÍPIO DE BARIRI

RQDO:AUTO MECÂNICA DO PINEZI


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE!

O 1° Leilão terá início no dia 10/07/2019 à partir das 14:00h, e encerramento no dia 15/07/2019 às 14:00h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances ese encerrará em 05/08/2019 às 14:00h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação.

1º Leilão  - Lance mínimo  R$519.337,86

2º Leilão  - Lance mínimo  R$ 311.602,71


DESCRIÇÃO:Um imóvel Comercial - DESCRIÇÃO DO AUTO DE PENHORA: Um prédio comercial feito de tijolos e coberta metálica, com área construída de 536,27m² e respectivo terreno medindo 605,00m², com frente para a Av. XV de Novembro, nº 1552, nesta cidade e comarca de Bariri.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$519.337,86(Quinhentos e dezenove mil, trezentos e trinta e sete reais e oitenta e seis centavos)

ÔNUS: Não consta nos autos documentos probantes de eventuais ônus que recaiam sobre o bem.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.


Link do processo  clique aqui.

Link googlemaps  clique aqui.

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL A.T. 24.773,65 M²

Lote 04: IMÓVEL COMERCIAL A.T. 24.773,65 M²

Valores atualizados

Avaliação2.945.158,87
Lance mínimo2.945.158,87
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas0

Localização:Distrito Industrial de São Manuel, São Manuel/SP.

Fórum/Vara:1ª VARA DA COMARCA DE SÃO MANUEL– SP

Nº do processo: 0003180-18.2009.8.26.0581

RQTE:UNIÃO

RQDO:CARIBEA INDUSTRIA MADEIREIRA LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

 O 1° Leilão terá início no dia 23/09/2019 à partir das 14:00h, e encerramento no dia 26/09/2019 às 14:00h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 16/10/2019 às 14:00h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$2.945.158,87 

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 1.767.095,32


DESCRIÇÃO:Um imóvel Comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: Uma gleba de terrascom 24.773,65 metros quadrados, situada no distrito industrial de São Manuel, neste município e comarca de São Manuel, circunscrição única, que segundo planta e memorial descritivo assim se descreve: “UMA GLEBA DE TERRAS contendo 24.773,65 metros quadrados (vinte e quatro mil, setecentos e setenta e três metros e sessenta e cinco decímetros quadrados), desmembrado de área maior pertencente à Prefeitura Municipal de São Manuel, dentro do perímetro urbano de São Manuel, localizada junto ao encontro da SP-255  e SP-300, com a seguinte descrição perimétrica: partindo do marco 00 (zero-zero), localizado junto à cerca do D.E.R., nas divisas da SP-300, Kenji Sguiyama e Prefeitura Municipal de São Manuel, parte com azimute de 111º 30’ e distância de 240,00 metros atingindo aí o marco 0 (zero) ponto inicial do perímetro da área a ser desmembrada. Do marco 0 (zero) vai ao marco 01 (hum) com azimute de 114° 30’ e distância de 60 metros (sessenta); do marco 01 (hum) vai ao marco 02 (dois) com azimute de 23° e distância de 37,50m (trinta e sete metros e cinquenta centímetros); do marco 02 (dois) atinge o marco 03 (três) com azimute de 115° e distância de 48 metros; do marco 03 (três) desenvolve-se um arco de comprimento de 10,94 metros e raio de 22,00 metros, atingindo aí o ponto 04 (quatro); do marco 04 (quatro) vai ao marco 05 (cinco) com azimute de 143° e distância de 157,50 metros (cento e cinquenta e sete metros e cinquenta centímetros); do marco 05 (cinco) desenvolve-se uma curva com comprimento de 75,43 metros e raio de 86,00 metros atingindo aí o ponto 06 (seis); do marco 06 (seis) vai ao ponto 07 (sete) com azimute de 193° e distância de 56,00 metros; do marco 07 (sete) desenvolve-se uma curva de comprimento igual a 17,15 metros e raio de  7,50 metros, atingindo aí o ponto oito; do marco oito vai ao marco nove com azimute de 323° e distância de 236,50 metros; do marco nove vai ao marco 10 com azimute de 310° e distância de 32,50 metros; do marco dez vai ao marco onze com azimute de 299° e distância de 33,50 (trinta e três metros e cinquenta centímetros); do marco onze desenvolve-se um arco de raio igual a 14,50 metros e comprimento igual a 17,63 metros atingindo o ponto doze; do marco doze vai ao ponto inicial zero com azimute de 358° 30’ e distância de 31,50 metros, completando-se a gleba com 24.773,65 metros quadrados”. Consta na Av.4 da matrícula a construção de um prédio industrial, de tijolos e coberto de telhas, situado no DISTRITO INDUSTRIAL, n° 205, contendo um galpão, sanitário, sala própria para assistência médica, escritório, com 950,23 metros quadrados, o qual posteriormente foi ampliado passando a ter mais dois galpões, sendo um com banheiro, dois escritórios, banheiro, área de circulação, instalações elétrica e sanitária com 308,00 metros quadrados, encerrando uma área construída de 1.258,23 metros quadrados. Consta na Av.5da matrícula a construção de um pavilhão, de tijolos e coberto de telhas, com a área coberta de 1.734,61 metros quadrados, situado no DISTRITO INDUSTRIAL. Consta no auto de avaliação que trata-se de uma gleba de terras contendo 24.773,65 metros quadrados, desmembrada de área maior pertencente à Prefeitura Municipal de São Manuel, dentro do perímetro urbano de São Manuel, localizada na confrontação entre as Rodovias SP-300 e SP-255, atualmente Distrito Industrial de São Manuel, cuja descrição perimétrica encontra-se devidamente definida na matrícula do imóvel. Bem este matriculado sob n° 3.610 livro no2 no Registro de Imóveis de São Manuel. Segundo levantamento feito através de informações obtidas junto ao representante legal da empresa executada, Sr. Guilherme Greggio, e matrícula do imóvel, encontra-se edificado no terreno objeto da constrição: a) um galpão industrial rústico e de acabamento simples com 1.258,23 metros quadrados; b) um galpão industrial rústico e de acabamento simples com 1.734,61 metros quadrados; c) um prédio para escritórios de dois pavimentos com a área aproximada de 480 metros quadrados, de construção e acabamento convencional no padrão médio; d) área pavimentada de aproximadamente 1.500 metros quadrados. Imóvel Matriculado sob n° 3.610 do Cartório de Registro de Imóveis de São Manuel/SP. 

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$2.945.158,87(Dois milhões, novecentos e quarenta e cinco mil, cento e cinquenta e oito reais e oitenta e sete centavos) 

ÔNUS:Consta na matrícula n° 3.610 do CRI de São Manuel/SP:R.6-PENHORA da fração ideal de 3/10 (três décimos) do imóvel, expedida pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel, Proc. n°13/2005, movido por Instituto Nacional de Seguro Social - INSS; R.7-PENHORA da fração ideal de 4% (quatro por cento) do imóvel, expedido pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel - SP, Proc. n°12/2005 movido Instituto Nacional de Seguro Social - INSS;R.8-PENHORA da fração idealde 1/10% (um décimo) do imóvel, expedida pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n°581.01.001236-0, n° de ordem 57/05, movido por Instituto Nacional de Seguro Social - INSS;R.9-PENHORA da fração ideal correspondente a 40% (quarenta por cento) do imóvel , expedido pelo 2° Ofício Cível da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n°43/07, movido pela União;Av.10-PENHORA da totalidade do remanescente do imóvel, expedido pelo 2° Ofício Cível da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n°581.01.2007.004727-5, nº de ordem 79/07, movido por Instituto Nacional de Seguro Social - INSS; Av.11-PENHORA da fração ideal de 3,3% do imóvel, expedido pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° 581.01.2001.000587-7 n° de ordem 80/01, movido pela Fazenda Nacional;Av.12-PENHORA da fração ideal correspondente a 2,36% do imóvel, expedido pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel-SP, Proc. n°581.01.2004.002647-2, nº de ordem 79/2004, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;Av.13-PENHORA da fração ideal correspondente a 4,70% do imóvel, expedido pela 2ª Vara Judicial da Comarca de São Manuel/SP, no proc. n° 581.01.2004.002313-7, n° de ordem 70/04, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;Av.14-PENHORA da totalidade do imóvel, expedida pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc.n° 581.01.2011.001919-2,  n°de ordem 076/2011, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;Av.15-PENHORA da totalidade do imóvel, destes autos;16-PENHORA da totalidade do imóvel, expedido pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° de Ordem 93/2009, movido por União;Av.17-PENHORA da fração ideal de 11,77% do imóvel, expedida pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° de Ordem 162/2009 movido por Fazenda do Estado de São Paulo;Av.18-PENHORA da totalidade do imóvel, expedida pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. nº de ordem 259/2010, movido por União;Av.19 -PENHORA da fração ideal de 11,7777% do imóvel, expedida pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° de Ordem 451/2009, movido por Fazenda do Estado de São Paulo; Av.20-PENHORA da fração ideal correspondente a 4,07% do imóvel, expedida pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° de Ordem 17/2005, movido pela Fazenda Nacional;Av.21-PENHORA do imóvel, expedida pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc.n° 0003655-71.2009.8.26.0581, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;Av.22-PENHORA do imóvel, expedida pelo 1º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° 0000751-78.2009.8.26.0581, movido por Estado de São Paulo;Av.23 -PENHORA do imóvel, expedida pelo 1º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° 0004239-36.2012.8.26.0581, movido por Estado de São Paulo;Av.24-PENHORA do imóvel, expedida pelo1ºOfício Judicial da Comarca de São Manuel/SP, Proc.n°0001342-16.2004.8.26.0581, movido por Estado de São Paulo;Av.25-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara da Comarca de São Manuel/SP, Proc.n° 0004483-33.2010.8.26.0581, movido por Estado de São Paulo;Av.26 -PENHORA do imóvel, expedida pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° 2313982004, movido por Secretaria da Fazenda;AV.27-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho de Botucatu/SP, Execução Trabalhista n° 0025300-03.2007.5.15.0025 da (TRT-15ª Região), movida por Kate Cilene Roberta Rodrigues da Cruz;AV.28-PENHORA da fração ideal de 27,50% do imóvel, expedido pelo 2º Ofício de São Manuel, no proc. nº 3005184-35.2013.8.26.0581, movido por Ministério da Fazenda;AV.29-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara do Trabalho de Botucatu, no proc. nº 0175500-22.2007.5.15.0025, movido por Vera Lucia de Mello Tineu;AV.30-PENHORA da fração ideal de 3,50% do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial de São Manuel, no proc. nº 0005313-72.2014.8.26.0581, movido por Ministério da Fazenda;AV.32-PENHORA de 50% do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial de São Manuel, no proc. nº 0003267-37.2010.826.0581, movido por Ministério da FazendaAV.33-PENHORA do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial de São Manuel, no proc. nº 0001536-35.2015.8.26.0581, movido por Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.34-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial de São Manuel, no proc. nº 0002373-17.2017.8.26.0581, movido por Cia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo - SABESP. 

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação. 


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL INDUSTRIAL

Lote 06: IMÓVEL INDUSTRIAL

Valores atualizados

Avaliação2.729.897,31
Lance mínimo2.729.897,31
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas43

Localização:São Manuel/SP

Fórum/Vara:1ª VARA DA COMARCA DE SÃO MANUEL – SP

Nº do processo:0000701-38.1998.8.26.0581 

RQTE:FAZENDA NACIONAL

RQDO: POLIFIBER IND. E COM. DE MATERIAIS PLÁSTICOS LTDA 


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O 1° Leilão terá início no dia 23/09/2019 à partir das 14:00h, e encerramento no dia 26/09/2019 às 14:00h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 16/10/2019 às 14:00h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$ 2.729.897,31

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 1.637.938,38


DESCRIÇÃO:   IMÓVEL INDUSTRIAL -  Um terreno formado pelas matrículas de n° 7.727 e 7.729 do C.R.I de São Manuel-SP, sendo que sobre o terreno há a edificação de um galpão para uso industrial construído em alvenaria e/ou estrutura metálica, coberto com telhas metálicas e com acabamento rústico de aproximadamente 3.000m². Imóvel com matrícula sob n° 7.727 do C.R.I de São Manuel/SP lote de terreno sob n° 02 (dois), da Quadra E, do desmembramento denominado Chácara Água da Rosa, no distrito de Aparecida de São Manuel, município de São Manuel, com a área de 7.571,16 metros quadrados, com as seguintes medidas e confrontações: com frente para a Rua E mede, 116,26 metros; do lado direito confronta com o lote n° 3, Quadra E, mede 50,76 metros; do lado esquerdo confronta com o lote n° 1, Quadra E, mede 73,00 metros; aos fundos confronta com o lote n° 4 e uma área pertencente a P.M.S.M; mede 131,50 metros. Imóvel com matriculado sob n° 7.729 do CRI de São Manuel/SP - Um lote de terreno sob n° 04, quadra E do desmembramento denominado Chácaras Água da Rosa, no distrito de Aparecida de São Manuel, município de São Manuel, com a área de 5.000,21 metros quadrados, com as seguintes medidas e confrontações: com frente para a Avenida “F”, mede 97,61 metros; do lado direito confronta com uma área de P.M.S.M., mede 57,40 metros; do lado esquerdo confronta com o lote 03, quadra “E”, mede 43,57 metros; aos fundos confronta com o lote 02, quadra “E”, mede 101,24 metros. 

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$  2.729.897,31(Dois milhões, setecentos e vinte e nove mil, oitocentos e noventa e sete reais e trinta e um centavos)

ÔNUS: Consta na matrícula n° 7.727 do CRI de São Manuel/SP:R.5-PENHORA do imóvel, expedida pela 1ª Vara Cível da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° 153/96, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;R.6-PENHORA do imóvel,expedida pela 2ª Vara de São Manuel – SP, Execução Fiscal proc. n° 682/98, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.7-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel, Execução Fiscal proc. n° 117/99 movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.8-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 062/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.9-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 051/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.10- PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°052/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.11-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°047/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.12-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°230/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.13-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 234/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.14-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 39/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.15-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 124/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.16-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 046/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.17-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 047/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.18-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 055/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.19-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 122/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.20-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°106/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.21-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 107/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.24-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 026/07, movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;R.25-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 70/2007, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.26-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 755/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.27-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 014/99, movido pela Fazenda Nacional;AV.28-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel, no proc. nº 043/03, movido por União;AV.29-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 043/03, movido pela União;AV.30-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 052/07, movido pela União;AV.31-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 69/08, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.32-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 692/98, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.33-PENHORA do imóvel,pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 90/09, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.34-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, nos autos da Execução Fiscal proc. n° 94/09, movido pela União;AV.36-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 84/09, movido pela União;AV.37-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2009.003653-1 (n. de Ordem 105/09), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.38-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2002.002887-0 (n. de Ordem 323/02), movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;AV.39-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2000.002104-4 (n° de Ordem 72/00), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.40-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.004486-5 (n° de ordem 227/10), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.41-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2007.001402-4 (n° d ordem 26/07), movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;AV.42-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.0077602-1 (n° de ordem 904/10), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.43-PENHORA da fração ideal correspondente a 4,00% do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.003269-1 (n° de ordem 169/10), movido pela União;AV.44-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 25/2000, movido pela Fazenda Nacional;AV.47-PENHORA do imóvel, expedidapela Vara do Trabalho de Botucatu-SP/TRT da 15ª Região, nos autos do proc. n° 0131500-10.2002.5.15.0025, ação trabalhista movida por José Luiz Maziero; AV.48-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 26/2005, movido pelo Conselho Regional de Química - IV Região;AV.49-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0001867-66.2002.8.26.0581, movido pela Prefeitura Municipal de São Manuel;AV.50-PENHORA do imóvel, expedida pelo 1° Ofício Judicial de São Manuel, no proc. 1811-28.2005.8.26.0581, movido pela Fazenda Nacional;AV.51-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0181043.2005.8.26.0581, movido pelo INSS - Instituto Nacional de Seguro Social;AV.51-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0181043.2005.8.26.0581, movido por Instituto Nacional do Seguro Social;AV.52-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 000121189-89.2014.8.26.0581, movido por Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.53-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0000070-94.1998.8.26.0581, movido por União - Fazenda Nacional;AV.54-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0001136-41.2000.8.26.0581, movido por Ministério da Fazenda;AV.55-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002848-16.2016.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.56-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0000544-78.2015.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.57-PENHORA do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0007003-29.2011.8.26.0581, movido por Município de São Manuel;AV.58-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002000-63.2015.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.59-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002143-18.2016.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional.


Consta na matrícula n° 7.729 do CRI de São Manuel/SP: R.6-PENHORA do imóvel,expedida pela 2ª Vara de São Manuel – SP, Execução Fiscal proc. n° 682/98, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.7-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel, Execução Fiscal proc. n° 117/99 movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.8-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 062/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.9-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 051/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.10- PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°052/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.11-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°047/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.12-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°230/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.13-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 234/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.15-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 39/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.16-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 124/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.17-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 046/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.18-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 047/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.19-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 055/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.20-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 122/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.21-PENHORA do móvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°106/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.22-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 107/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.25-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 026/07, movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;R.26-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 70/07, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.27-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 755/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.28-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 014/99, movido pela Fazenda Nacional;AV.29-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 014/99, movido pela Fazenda Nacional;AV.30-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 043/03, movido pela União;AV.31-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 052/07, movido pela União;AV.32-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 69/08, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.33-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 692/98, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.34–PENHORA correspondente a fração ideal de 1% do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 042/99, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.35-PENHORA correspondente a fração ideal de 1% do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de Americana/SP, nos autos da ação de cobrança proc. n° 1494/05, movido por Antônio Batista da Silva ME;AV.36-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 90/09 movida por União;AV.37-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 94/09, movido pela União;AV.38-PENHORA o imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 84/09, movido pela União;AV.39-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2009.003653-1(n° de ordem 105/09), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.40-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2002.002887-0 (n° de ordem 323/02), movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;AV.41-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2000.002104-4 (n° d ordem 72/00), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.42-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.004486-5 (n° de ordem 227/10), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.43-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.0077602-1 (n° de ordem 904/10), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.44-PENHORA correspondente a fração ideal de 4% do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.003269-1 (n° de ordem 169/2010), movido pela União;AV.45-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° de ordem 25/00, movido pela Fazenda Nacional;AV.47–PENHORA do imóvel, nestes autos;AV.50-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° de ordem 243/11, movido pela União;AV.51-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° de ordem 31/03, movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;AV.52-PENHORA do imóvel, expedidapela Vara do Trabalho de Botucatu/SP – TRT 15 da 15ª Região, extraído dos autos do proc. n° 0131500-10.2002.5.15.0025 RTOrd, ação trabalhista movida por José Luiz Maziero;AV.53-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 262005, movido pelo Conselho Regional de Química - IV Região;AV.54-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0001867-66.2002.8.26.0581, movido pela Prefeitura Municipal de São Manuel;AV.55-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 181128.2005.8.26.0581, movido pela Fazenda Nacional;AV.56-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0181043.2005.8.26.0581, movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;AV.57-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 3005182-65.2013.8.26.0581, movido pelo Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.58-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 000121189-89.2014.8.26.0581, movido por Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.59-PENHORA do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0003187-34.2014.8.26.0581, movido por Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.60-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0001136-41.2000.8.26.0581, movido por Ministério da Fazenda;AV.61-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0000070-94.1998.8.26.0581, movido por União - Fazenda Nacional;AV.62-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002848-16.2016.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.63-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0000544-78.2015.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.64-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002000-63.2015.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.65-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 3002678-86.2013.8.26.0581, movido por Ministério da Fazenda;AV.66-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002143-18.2016.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação. 


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL INDUSTRIAL

Lote 07: IMÓVEL INDUSTRIAL

Valores atualizados

Avaliação2.426.630,09
Lance mínimo2.426.630,09
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas40

Localização:Distrito de Aparecida de São Manuel/SP

Fórum/Vara:1ª VARA DA COMARCA DE SÃO MANUEL – SP

Nº do processo:0001811-28.2005.8.26.0581

RQTE:FAZENDA NACIONAL

RQDO:POLIFIBER IND. E COM. DE MATERIAIS PLÁSTICOS LTDA


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O 1° Leilão terá início no dia 23/09/2019 à partir das 14:00h, e encerramento no dia 26/09/2019 às 14:00h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 16/10/2019 às 14:00h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$2.426.630,09

2º Leilão - Lance mínimo  R$1.455.978,05


DESCRIÇÃO:  IMÓVEL INDUSTRIAL - Um terreno formado pelas matrículas de n° 7.727 e 7.729 do C.R.I de São Manuel-SP, sendo que sobre o terreno há a edificação de um galpão para uso industrial construído em alvenaria e/ou estrutura metálica, coberto com telhas metálicas e com acabamento rústico de aproximadamente 3.000m². Os imóveis constatados confrontam-se entre si e encontram-se situados em área eminentemente industrial, estão próximos à confrontação entre as Rodovias Marechal Rondon e João Mellão, pouco beneficiada pelos serviços públicos com ausência de pavimentação asfáltica, atualmente com entrada pela Rua Domingos Calviti. Para fins de localização e situação atual do imóvel necessário se fez o auxílio do representante legal da empresa, José Benedito Arruda, e da funcionária Evelin Filipini. Há informações, também, de que as cercas e divisas existentes no local foram feitas sem o devido levantamento topográfico, estando, assim, sujeitas a erros e variações de tamanho e localização.

 Imóvel com matrícula sob n° 7.727 do C.R.I de São Manuel/SPlote de terreno sob n° 02 (dois), da Quadra E, do desmembramento denominado Chácara Água da Rosa, no distrito de Aparecida de São Manuel, município de São Manuel, com a área de 7.571,16 metros quadrados, com as seguintes medidas e confrontações: com frente para a Rua E mede, 116,26 metros; do lado direito confronta com o lote n° 3, Quadra E, mede 50,76 metros; do lado esquerdo confronta com o lote n° 1, Quadra E, mede 73,00 metros; aos fundos confronta com o lote n° 4 e uma área pertencente a P.M.S.M; mede 131,50 metros.Imóvel com matriculado sob n° 7.729 do CRI de São Manuel/SP -Um lote de terreno sob n° 04, quadra E do desmembramento denominado Chácaras Água da Rosa, no distrito de Aparecida de São Manuel, município de São Manuel, com a área de 5.000,21 metros quadrados, com as seguintes medidas e confrontações: com frente para a Avenida “F”, mede 97,61 metros; do lado direito confronta com uma área de P.M.S.M., mede 57,40 metros; do lado esquerdo confronta com o lote 03, quadra “E”, mede 43,57 metros; aos fundos confronta com o lote 02, quadra “E”, mede 101,24 metros.

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$2.426.630,09(Dois milhões, quatrocentos e vinte e seis mil, seiscentos e trinta reais e nove centavos)

ÔNUS: Consta na matrícula n° 7.727 do CRI de São Manuel/SP:R.5-PENHORA do imóvel, expedida pela 1ª Vara Cível da Comarca de São Manuel/SP, Proc. n° 153/96, movido por Fazenda do Estado de São Paulo;R.6-PENHORA do imóvel,expedida pela 2ª Vara de São Manuel – SP, Execução Fiscal proc. n° 682/98, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.7-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel, Execução Fiscal proc. n° 117/99 movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.8-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 062/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.9-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 051/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.10- PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°052/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.11-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°047/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.12-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°230/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.13-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 234/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.14-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 39/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.15-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 124/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.16-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 046/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.17-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 047/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.18-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 055/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.19-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 122/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.20-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°106/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.21-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 107/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.24-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 026/07, movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;R.25-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 70/2007, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.26-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 755/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.27-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 014/99, movido pela Fazenda Nacional;AV.28-PENHORA do imóvel, expedido pela 2ª Vara da Comarca de São Manuel, no proc. nº 043/03, movido por União;AV.29-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 043/03, movido pela União;AV.30-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 052/07, movido pela União;AV.31-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 69/08, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.32-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 692/98, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.33-PENHORA do imóvel,pela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 90/09, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.34-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, nos autos da Execução Fiscal proc. n° 94/09, movido pela União;AV.36-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 84/09, movido pela União;AV.37-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2009.003653-1 (n. de Ordem 105/09), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.38-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2002.002887-0 (n. de Ordem 323/02), movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;AV.39-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2000.002104-4 (n° de Ordem 72/00), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.40-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.004486-5 (n° de ordem 227/10), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.41-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2007.001402-4 (n° d ordem 26/07), movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;AV.42-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.0077602-1 (n° de ordem 904/10), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.43-PENHORA da fração ideal correspondente a 4,00% do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.003269-1 (n° de ordem 169/10), movido pela União;AV.44-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 25/2000, movido pela Fazenda Nacional;AV.47-PENHORA do imóvel, expedidapela Vara do Trabalho de Botucatu-SP/TRT da 15ª Região, nos autos do proc. n° 0131500-10.2002.5.15.0025, ação trabalhista movida por José Luiz Maziero; AV.48-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 26/2005, movido pelo Conselho Regional de Química - IV Região;AV.49-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0001867-66.2002.8.26.0581, movido pela Prefeitura Municipal de São Manuel;AV.50-PENHORA do imóvel, expedida pelo 1° Ofício Judicial de São Manuel, no proc. 1811-28.2005.8.26.0581, movido pela Fazenda Nacional;AV.51-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0181043.2005.8.26.0581, movido pelo INSS - Instituto Nacional de Seguro Social;AV.51-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0181043.2005.8.26.0581, movido por Instituto Nacional do Seguro Social;AV.52-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 000121189-89.2014.8.26.0581, movido por Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.53-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0000070-94.1998.8.26.0581, movido por União - Fazenda Nacional;AV.54-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0001136-41.2000.8.26.0581, movido por Ministério da Fazenda;AV.55-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002848-16.2016.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.56-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0000544-78.2015.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.57-PENHORA do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0007003-29.2011.8.26.0581, movido por Município de São Manuel;AV.58-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002000-63.2015.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.59-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002143-18.2016.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional.


Consta na matrícula n° 7.729 do CRI de São Manuel/SP:R.6-PENHORA do imóvel,expedida pela 2ª Vara de São Manuel – SP, Execução Fiscal proc. n° 682/98, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.7-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel, Execução Fiscal proc. n° 117/99 movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.8-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 062/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.9-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 051/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.10- PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°052/03, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.11-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°047/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.12-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°230/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.13-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 234/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.15-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 39/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.16-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 124/04, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.17-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 046/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.18-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 047/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.19-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 055/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.20-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 122/05, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.21-PENHORA do móvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n°106/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.22-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Ofício Judicial Cível São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 107/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;R.25-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 026/07, movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;R.26-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 70/07, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.27-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 755/06, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.28-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 014/99, movido pela Fazenda Nacional;AV.29-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 014/99, movido pela Fazenda Nacional;AV.30-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 043/03, movido pela União;AV.31-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 052/07, movido pela União;AV.32-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 69/08, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.33-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 692/98, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.34–PENHORA correspondente a fração ideal de 1% do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 042/99, movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.35-PENHORA correspondente a fração ideal de 1% do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de Americana/SP, nos autos da ação de cobrança proc. n° 1494/05, movido por Antônio Batista da Silva ME;AV.36-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 90/09 movida por União;AV.37-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Ofício Judicial Cível de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 94/09, movido pela União;AV.38-PENHORA o imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 84/09, movido pela União;AV.39-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2009.003653-1(n° de ordem 105/09), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.40-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2002.002887-0 (n° de ordem 323/02), movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;AV.41-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2000.002104-4 (n° d ordem 72/00), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.42-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.004486-5 (n° de ordem 227/10), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.43-PENHORA do imóvel, expedidapela 1ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.0077602-1 (n° de ordem 904/10), movido pela Fazenda do Estado de São Paulo;AV.44-PENHORA correspondente a fração ideal de 4% do imóvel, expedidapela 2ª V.C. de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 581.01.2010.003269-1 (n° de ordem 169/2010), movido pela União;AV.45-PENHORA do imóvel, expedidapela 2ª Vara de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° de ordem 25/00, movido pela Fazenda Nacional;AV.47–PENHORA do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 474/1998, movido por Fazenda Nacional;AV.50-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° de ordem 243/11, movido pela União;AV.51-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° de ordem 31/03, movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;AV.52-PENHORA do imóvel, expedidapela Vara do Trabalho de Botucatu/SP – TRT 15 da 15ª Região, extraído dos autos do proc. n° 0131500-10.2002.5.15.0025 RTOrd, ação trabalhista movida por José Luiz Maziero;AV.53-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 262005, movido pelo Conselho Regional de Química - IV Região;AV.54-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0001867-66.2002.8.26.0581, movido pela Prefeitura Municipal de São Manuel;AV.55-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 181128.2005.8.26.0581, movido pela Fazenda Nacional;AV.56-PENHORA do imóvel, expedidapela 2° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 0181043.2005.8.26.0581, movido pelo INSS - Instituto Nacional do Seguro Social;AV.57-PENHORA do imóvel, expedidapela 1° Oficio Judicial de São Manuel/SP, Execução Fiscal proc. n° 3005182-65.2013.8.26.0581, movido pelo Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.58-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 000121189-89.2014.8.26.0581, movido por Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.59-PENHORA do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0003187-34.2014.8.26.0581, movido por Procuradoria Seccional da Fazenda Nacional em Bauru;AV.60-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0001136-41.2000.8.26.0581, movido por Ministério da Fazenda;AV.61-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 0000070-94.1998.8.26.0581, movido por União - Fazenda Nacional;AV.62-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002848-16.2016.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.63-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0000544-78.2015.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.64-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002000-63.2015.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional;AV.65-PENHORA do imóvel, expedido pelo 2º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 3002678-86.2013.8.26.0581, movido por Ministério da Fazenda;AV.66-PENHORA do imóvel, expedido pela 1ª Vara Federal de Botucatu, no proc. nº 0002143-18.2016.4.03.6131, movido por Fazenda Nacional.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.  


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.



IMÓVEL COMERCIAL A.T. 4.086 M²

Lote 08: IMÓVEL COMERCIAL A.T. 4.086 M²

Valores atualizados

Avaliação1.835.968,85
Lance mínimo1.835.968,85
Incremento10.000,00

Resultado parcial

Maior lanceN/D
UsuárioN/D
Visitas33

Localização:Av. José Horácio Mellão, n° 1.365, São Manuel-SP

Fórum/Vara:1ª VARA DA COMARCA DE SÃO MANUEL– SP

Nº do processo:0003558-71.2009.8.26.0581

RQTE:UNIÃO

RQDO: COOPERATIVA DE CAFEICULTORES DA ZONA DE SÃO MANUEL


LEILÃO JUDICIAL - SOMENTE ON-LINE! 

O 1° Leilão terá início no dia 23/09/2019 à partir das 14:00h, e encerramento no dia 26/09/2019 às 14:00h; não havendo lance superior ou igual ao da avaliação, seguir-se-á, sem interrupção,o 2° Leilão, que se estenderá em aberto para captação de lances e se encerrará em 16/10/2019 às 14:00h(ambos no horário de Brasília), sendo vendido o bem pelo maior lance ofertado, desde que não inferior a60%(sessenta por cento) do valor da avaliação. 

1º Leilão - Lance mínimo  R$1.835.968,85

2º Leilão - Lance mínimo  R$ 1.101.581,31


DESCRIÇÃO:Um imóvel comercial - DESCRIÇÃO DA MATRÍCULA: A área de terras, situada à Avenida José Horácio Mellão, n° 1.365, nesta cidade de São Manuel-SP, com a área de 4.086 metros quadrados, tendo seu ponto de partida do marco pp0, localizado na divisa com o Jardim Ouro Verde (antigo Antonio Campanha) e propriedade da Prefeitura Municipal, antigamente Valentim João Justo; segue marco pp0 a 1, rumo 78°00’ NO, por uma distância de 40,18 metros, confrontando com propriedade da Prefeitura Municipal de São Manuel; segue marcos 2 a 3, rumo 83°30’ SE, por uma distância de 40,00 metros, confrontando entre os marcos 1 a 3, com terras da mesma Cooperativa de Cafeicultores da Zona de São Manuel (parte maior); segue finalmente marcos 3 a pp0, rumo 06°30’ NE, por uma distância de 100,00 metros e confrontando com Jardim Ouro Verde. Consta no auto de avaliação a construção de um barracão em alvenaria e estrutura metálica com aproximadamente 1.600,00 metros quadrados de construção. Imóvel matriculado sob n° 3.718 do CRI de São Manuel/SP. 

VALOR DA AVALIAÇÃO:R$1.835.968,85(Um milhão, oitocentos e trinta e cinco mil, novecentos e sessenta e oito reais e oitenta e cinco centavos)

ÔNUS:Consta na referida matrícula 3.718:R.03-HIPOTECA de 1° grau em favor de Banco do Brasil S/A;R.07-ARROLAMENTO fiscal de bens, tendo como objeto o imóvel desta matrícula, determinado pela Delegacia da Receita Previdenciária em Bauru/SP;AV.08-PENHORA do imóvel, expedida pela 1ª Vara Judicial de São Manuel, Proc. n° 581.01.2006.006758-1 nº de orbem 1243/2006, movida por Cerealista Nardo LTDA;AV.09-PENHORA do imóvel, expedido pelo 1º Ofício Judicial da Comarca de São Manuel, no proc. nº 4716-35.2007.8.26.0581, movida por Instituto Nacional de Seguro Social - INSS;AV.10-PENHORA do imóvel, nestes autos;AV.11-PENHORA do imóvel, expedida pela 2ª Vara Judicial de São Manuel, no Proc. n° 3001709-71.2013.8.26.0581, movida por Sandra Regina Estevam.AV.12-PENHORA do imóvel, expedido pela Vara Cível da Comarca de Castro/PR, no proc. nº 0001129-80.2007.8.16.0064, movido por Castrolanda - Cooperativa Agroindustrial.

OBS.:A descrição do(s) bem é uma cópia fiel das informações fornecidas pelos cartórios, comitente ou outro órgão responsável. O(s) bem(ns) será(ão) vendido(s) no estado em que se encontra(m). Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação. 


Link do processo clique aqui. 

Link googlemaps clique aqui. 

Os Links de esaj e googlemaps divulgadas no PORTAL LEGIS LEILÕES são informais e podem ocorrer erros, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens ou influenciar a decisão de oferta de lances para arrematação.


Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.